07/04/2021

BORRAZÓPOLIS - Furto em Igreja, casos de ameaça e confusão no Hospital

FURTO -
Em Borrazópolis, no dia 06 de abril, de 2021, foram registradas quatro ocorrências. A primeira foi de furto na Rua Paraíba. Um morador informou que é responsável pela Igreja Adventista do Sétimo Dia, sendo que, em data anterior, em 03 de abril, às 09 horas, constatou que a sala dos fundos estava arrombada e que uma peça, do aparelho de transmissão de TV do canal Novo Tempo, havia sido furtado. Diante dos fatos, o denunciante foi orientado e as devidas providência foram tomadas. AMEAÇA - Duas ocorrências de ameaça, foram registradas pela Polícia Militar. A primeira na Rua Pará, às 09 horas, de 06 de abril. A solicitante disse que seu ex-marido a procurou, para que ela assinasse um documento que autoriza a venda de uma casa, que é de propriedade de ambos, como não concordou em assinar, ele disse que iria acabar ateando fogo no imóvel. O segundo caso, foi também no dia 06 de abril, às 12h20min, na Rua Antônio Alves Bahia. Morador afirmou que está em processo de separação com sua esposa, e que vem tendo problemas com ela e seus familiares, inclusive, ouviu um áudio no celular da esposa, onde sua sogra dizia que o iria matar, com uma arma de fogo, se continuasse com a separação. Temendo por sua segurança, registrou o boletim. Nos casos de ameaça, nomes não foram divulgados. PERTURBAÇÃO - No dia 06 de abril, na Avenida Brasil, um médico, que atende na rede pública do município, afirmou que, em seu plantão, foi procurado por uma pessoa feminina, que solicitou para que renovasse uma receita médica que seria destinada a sua filha. O médico informou que não poderia prescrever nova receita e que, apenas o médico que realiza o acompanhamento da paciente, poderia fazê-la, pela natureza dos medicamentos e possíveis complicações que ocorreriam com o uso. Ao dar esta informação, alega que a acusada o desacatou dizendo palavras ofensivas de baixo calão, e também provocou tumulto no local, gritando com os demais funcionários. Com a chegada da Polícia, a mulher havia deixado o Hospital e não foi localizada para dar sua versão. (Foto Sérgio Oliveira e Rádio Nova Era) 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA