04/10/2021

ALERTA - Faxinal, Borrazópolis e São João registraram situações de suicídio

Em Faxinal, um jovem, de 31 anos, foi encontrado morto. Já em São João e Borrazópolis, foram duas tentativas
   Em praticamente todas as cidades da região Vale do Ivaí, psicólogos tem noticiado que estão com aumento de casos de pessoas com pesamentos suicida e também  casos de automutilação. No domingo, dia 03 de outubro, em menos de três horas, três casos de ato extremo, eram registrados na região. FAXINAL - O mais grave, ocorreu em Faxinal, na zona rural Água da Bufadera. Um cidadão relatou que ele e sua esposa, foram para a cidade, por volta das 15 horas, de 03 de outubro, para resolver questões particulares, sendo que, ao retornar, já durante à noite, depararam com a vítima, jovem, de 31 anos, já em óbito, sendo a  causa enforcamento. Foi acionada a Polícia Civil e, em seguida, o IML - Instituto Médico Legal de Apucarana, para liberação do Corpo. SÃO JOÃO - Em São João do Ivaí, as 21h10min, na Rua Vereador Loro, uma moradora contou que, seu marido é usuário de entorpecentes, e chegou alterado em casa, dizendo que iria cometer ato extremo. Ela contou que não é a primeira vez. Com a chegada de Policiais, os soldados conversaram com o homem e o acalmaram. Diante dos fatos, ambos (marido e mulher) foram orientados a procurar ajuda junto aos órgãos competentes do município, ou seja, a equipe e saúde mental. BORRAZÓPOLIS - Em Borrazópolis, recentemente, em uma única semana, recebemos informações de familiares de quatro pessoas, com pensamentos suicidas, que estavam a procura de atendimento de saúde e, na mesma semana, um caso de automutilação. Já neste dia 03 de outubro, às 23:40 horas, Policiais Militares foram até o Hospital Municipal. Era uma enfermeira pedindo ajuda. Ela prestava atendimento a um jovem, de 22 anos, o qual havia tentando contra sua própria vida. SETEMBRO AMARELO - Algumas pessoas, tem visto com preocupação, as campanhas do "Setembro Amarelo", que é uma campanha institucional, realizada todo mês de setembro, em defesa da vida.  O fato é que, justamente, neste mês de setembro, em que a imprensa tem falado muito neste tema, aparentemente, parece ter  aumentado o número de casos. O intuito da campanha é positivo, tocar no tema e dizer as pessoas que existe uma rede de apoio, que existe saída, mas, talvez seja preciso mudar esse tipo de abordagem, com uma campanha mais silenciosa e prática, com busca ativa, para evitar o efeito inverso.  Em breve, mais detalhes. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA