14/10/2021

Mulher agredida com gilete em Cambira e violência doméstica em Marilândia

CAMBIRA -
Em Cambira, no dia 13 de outubro, na Rua Orlando Mincache, uma pessoa relatou que foi agredida por uma mulher, a qual foi até sua residência, acompanhada de seu marido, por volta das 18h, dizendo para a vítima afastar-se do seu pai, pois, se ela soubesse que teria se aproximado, novamente, a mataria e, neste momento, a agressora partiu para cima da vítima desferindo tapas em seu rosto e a jogou no chão. Ainda pegou uma gilete e começou a cortar seu rosto e pulso, causando ferimentos superficiais. A agressora fugiu e o caso foi encaminhado a Polícia Civil. MARILÂNDIA - De Marilândia, a 2ª Companhia, de Jandaia do Sul, comando do Tenente Thiago, informou que o Destacamento daquele município, registrou violência doméstica, na madrugada deste dia 14 de outubro, no Sítio Locatelli, Bairro Leão do Norte. Uma mulher, de 32 anos, afirmou que seu esposo, A. C. L., de 51 anos, a agrediu com socos, deixando lesões em sua testa, antebraço direito e dedos da mão direita. Ao chegar na casa, o homem foi preso com lesão no lábio inferior, perna esquerda e braço direito. Segundo ele, causado pela mulher, durante o desentendimento. Ambos foram conduzidos ao PAM - Ponto Atendimento Médico, onde foram atendidos pelo médico de plantão. O caso seria melhor investigado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA