18/10/2021

POLICIAL - Entre Lidianópolis e Cruzmaltina, jovem fugiu da polícia, mas foi contido

 Entre Dinizópolis, município de Cruzmaltina, e Porto Ubá, distrito de Lidianópolis, uma ocorrência terminou em acompanhamento tático a um veículo suspeito e pelo menos três viaturas foram acionadas. Tudo começou no Porto Ubá, quando policiais em patrulhamento, visualizaram um Honda Civic chumbo, cujo carro não havia nenhuma suspeição, mas seu condutor,  das iniciais R. P. F., aparece em denúncias de tráfico de drogas e também com relatos de que estaria andando armado. Os soldados optaram por realizar a abordagem, mas o acusado, segundo consta no boletim, acelerou, bruscamente, tomando como sentido o município de Borrazópolis. Durante todo o acompanhamento, foram utilizados dos sinais sonoros e luminosos, além de verbalização, mas o motorista alcançou uma velocidade não compatível com a via, realizando assim diversas ultrapassagens pela contramão e em curvas. A equipe policial conseguiu alcançá-lo, assim que ele reduziu a velocidade e estacionou no acostamento. Mas, quando  os soldados desembarcaram, o jovem entrou no carro, novamente, e saiu, tentando atropelar o soldado Magioni, da equipe de Faxinal e o condutor, soldado Gonçalves. Foi repelida a injusta agressão, com disparos de arma de fogo, sem deixar feridos. Iniciou-se um novo acompanhamento tático, sendo solicitado apoio policial, até que o motorista entrou no Distrito de Dinizópolis, quase atropelando transeuntes que estavam próximo ao campo de futebol. Depois, entrou numa propriedade rural, margeada por um lamaçal. Ele desembarcou e começou a fuga a pé, mas foi acompanhado pelo Magioni, que a todo momento verbalizava para que parasse, não sendo acatada a ordem. O jovem foi alcançado próximo ao cemitério do distrito.
"Ele investiu contra o Magioni, que, através da técnica de contato, o conteve e o algemou. Ao chegar a viatura, um homem, das iniciais P. O. P., portanto uma foice, o qual saiu da residência com intuito de intimidar a equipe. Com a chegada do efetivo de Borrazópolis, o homem passou a desacatar e xingar os soldados, momento em que recebeu voz de prisão, oferecendo resistência. Foi realizado a busca pessoal e veicular, mas nada de ilícito foi encontrado, o teste do bafômetro, aferiu 0,44, sendo considerado 0,35mg/l, caracterizando crime de trânsito", informou o boletim da Polícia Militar. O caso foi encaminhado para o Dr. Ricardo Mendes, Polícia Civil, em Faxinal.  A defesa do detido ligou dizendo que ele nega os fatos acima e muito menos que seja traficante, por isso, vai provar sua inocência. Sua esposa, disse que o marido estava com a filha de 1 e 9 meses e fugiu com medo da Polícia. "Ele fugiu, porque ele tem medo dos Policiais, que o perseguem. Todas as acusações contra ele, conseguiu provar inocência. Meu marido não é bandido", disse a esposa. O carro pertence a um servidor público, pessoa idônea, que apenas havia emprestado ao rapaz, portanto, já foi liberado após pagamento de multas.  O sitiante que reagiu, também alegou ser inocente e que só teria repelido a ação, por conta da invasão de sua propriedade.  (Fotos do Blog do Berimbau)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA