04/10/2021

VIOLÊNCIA - Faxinal, Arapuã, Marilândia, Apucarana e Bom Sucesso

Casos de violência doméstica registrados em várias cidades. Em Apucarana, o filho denunciou a mãe. Em Bom Sucesso, homem fugiu três vezes após ameaçar mulher. Confira ainda os demais casos 
 
FAXINAL - No dia 03 de outubro, domingo, 16h00min, na Rua Juvenal dos Santos e Silva, o ex-convivente, de 35 anos, e o atual marido de uma mulher, chegaram em sua casa e passaram a discutir sobre os pertences que haviam ficado na residência. Momento em que o ex-namorado tentou arrombar a porta da casa também entrou em vias de fato com o atual. Depois saiu pulando por telhas, que estavam pelo quintal, vindo a danificá-las. Também fez ameaças. Com a chegada da Polícia, ambos os envolvidos, havia deixado o endereço. ARAPUÃ - No dia 03 de outubro, 23h15min, na Rua Sargento Claudecir Mendes de Oliveira, uma senhora informou, que foi agredida com vários chutes pelo seu irmão. As agressões, resultaram em lesões aparentes no rosto e no tórax. O acusado evadiu-se e não foi encontrado pela Polícia. MARILÂNDIA - No dia 04 de outubro, 00h30min, na Rua Ásia, mulher, de 37 anos, o ex-namorado foi até a casa de uma moradora e começaram a discutir. Ele a agrediu com tapa no rosto e empurrões, porém, ela se trancou no banheiro e ligou para a polícia. A mulher estava bastante nervosa e foi encaminhada para o pronto atendimento. Ela não representou. APUCARANA - No dia 03 de outubro, 21h51min, na Rua Pio X, no Jardim Paulista, morador disse, que sua mãe, estava descontrolada e agredindo os familiares. No local, a irmã da acusada, disse que ela passou o dia bebendo e usando drogas e, ao chegar em casa passou a discutir com a mãe, irmãos e filhos, depois tentou sair levando seus quatro filhos menores, mas foi impedida. Todos foram orientados e uma ambulância também foi acionada para socorrer a mulher, que estava muito nervosa. BOM SUCESSO - Já, em Bom Sucesso, no dia 03 de outubro, por volta das 15h, na Rua Tarcísio Vieceli, o marido chegou em casa, aparentando estar embriagado, chutou a porta da sala, vindo a danificá-la. Ato contínuo, passou a ameaçar de morte, a esposa, evadindo-se antes da chegada da equipe. Enquanto eram feitas buscas, ele ainda voltou e de posse de um pedaço de madeira, novamente ameaçou a vítima. Com a volta da viatura, ele correu e foi alcançado próximo ao cemitério, onde ganhou uma mata e conseguiu esconder-se. Como se não bastasse, às 18h, ele foi na casa da mãe da esposa e fez ameaças pela terceira vez. Também, pela terceira vez, conseguiu fugir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA