Páginas




 


02/05/2022

BORRAZÓPOLIS- Fake News sobre ataque em Escola assustou alguns pais

  Mensagem postada, em 1º de maio de 2022, domingo, na rede social, a princípio, de uma aluna menor de idade, totalmente, sem nenhum fundamento, causou preocupação em alguns pais da Escola Estadual Humberto de Alencar Castelo Branco. Tudo começou quando ela fez uma postagem, revelando que, no dia 26 de maio de 2022, irá acontecer um ataque no referido estabelecimento de ensino. Como o assunto envolve menor, alguns detalhes não são revelados, mas mesmo sendo num domingo, a diretora da Escola, professora Lisandra Câmara, tomou todas as providências de praxe, que é comunicar a polícia, mas, principalmente, a equipe de saúde do município, por se tratar de um caso de transtorno psicológico e não, exatamente, de uma ameaça velada aos alunos. Mesmo assim, nesta segunda-feira, dia 02 de maio, muitos pais não enviaram seus filhos para estudar, temendo que algo mais grave acontecesse. Pela Rádio Nova Era, o repórter Ronaldo Alves Senes, o "Berimbau", minimizou a questão.
"Trata-se da postagem de uma criança que, se quer tem acesso a arma ou grupos criminosos organizados para fazer qualquer tipo de massacre. A menor já encontrava-se afastada, está com problemas psicológicos, portanto, a postagem não deveria ter ganhado a importância que ganhou e nem causado tamanha preocupação. Mesmo assim, todas as providências foram tomadas pela Direção para ajudar na recuperação da menor, que merece atenção e não 
exclusão. Portanto, pais, fiquem tranquilos, continue mandando seus filhos para escola e parem de ficar enviando prints da postagem, porque isso só vai agravar ainda mais a condição da criança", disse o repórter Berimbau. O radialista ainda afirmou que, quem quer fazer um ataque, não sai anunciando o dia e a hora que vai agir e a forma que a ameaça foi feita, revela que é mais uma brincadeira de criança, do que uma ameaça que merece tanta atenção.   PRIMEIRAS PROVIDÊNCIAS - Como forma de tranquilizar os pais e para demonstrar que, em qualquer situação, todas as providências são tomadas, neste dia 02 de maio, reunião foi realizada, na escola Castelo Branco, buscando ações para resolver os problemas de segurança. "Tivemos a participação do delegado de Faxinal, doutor Ricardo Mendes, representantes do Núcleo de Educação de Apucarana, Conselho Tutelar, Psicóloga, professora Ângela, pedagogas, direção, agradecendo também por todo apoio do Sargento Gilmar Soares, da polícia militar. União da equipe da rede de proteção a criança e ao adolescente, para resolver a situação da melhor maneira possível. Contamos com o apoio de todos", informou a Diretora, professora Elizandra Câmara.  Sobre o referido problema,

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

CARREGANDO MAIS POSTAGENS...