Páginas




 


07/05/2022

PRISÕES: "Operação Pardador 27" chegou a Borrazópolis, Ivaiporã e Faxinal

   Mais duas cidades do Vale do Ivaí foram alvo da Operação Parador 27". No dia 06 de maio de 2022, Policiais Militares, foram em locais, no boletim denominado como Boates, onde poderiam estar ocorrendo possíveis crimes sexuais contra crianças e adolescentes. Na área da 6ª CIPM - Companhia Independente da Polícia Militar, de Ivaiporã, foram três locais vistoriados, sendo 02 em Ivaiporã e 01 em Borrazópolis.
IVAIPORÃ - Em Ivaiporã, nos 2 locais, não verificou-se a presença de menores de idade, porém em um deles, duas pessoas foram presas por tráfico de drogas. Ocorreu a apreensão de 4 gramas de maconha e mais de R$10.000,00 em espécie. BORRAZÓPOLIS - Na cidade de Borrazópolis, não foram encontrados menores de idade, porém drogas também foram apreendidas, sendo um total de 16,1 gramas de maconha e 4.1 gramas de cocaína. Uma pessoa foi presa por tráfico de drogas. FAXINAL - Em Faxinal, como informado pelo Destacamento local da PM, em 03 de maio, às 19h00min, na Rua Ponta Grossa, dentro da referida Operação, chegou ao conhecimento que havia uma ordem de prisão expedida pela Vara de Execuções Penais de Londrina, em desfavor de um indivíduo. Ao fazer o levantamento sobre o paradeiro do procurado, ele foi encontrado na casa de seus pais. Após preso, foi entregue na delegacia de Polícia Civil. Em todos os casos, nomes das pessoas e dos locais, não foram informados. SOBRE A OPERAÇÃO - Como noticiamos, a 
 Polícia Militar do Paraná prendeu, no primeiro dia, 65 pessoas e apreendeu três armas de fogo durante a operação Parador 27, voltada à prevenção e repressão do abuso e da exploração sexual de crianças e adolescentes. A operação é parte da campanha Maio Laranja, que visa a conscientização sobre prevenção desses crimes. As prisões foram feitas entre o dia 26 de abril e em  03 de maio, com o apoio da Diretoria de Inteligência da Polícia Militar. O 1º CRPM (Curitiba) e o 3º CRPM (Maringá) efetuaram 20 e 21 prisões, respectivamente. As outras 24 foram feitas pelos outros três comandos regionais. Foram dados cumprimento a mandado de busca e apreensão e de prisão em todo o Estado. A operação envolve também a Polícia Rodoviária Estadual (PRE), com averiguações em postos de combustíveis e demais pontos ligados a denúncias de exploração infantil, além de abordagens a caminhoneiros e outros usuários de rodovias. Além do trabalho de Inteligência, as denúncias realizadas através do 181 ajudaram a subsidiar os pedidos dos mandados de busca e apreensão e prisão. A ligação é gratuita e pode ser feita de qualquer município do Paraná a qualquer hora, pois o serviço funciona 24 horas. A denúncia pode ser feita de forma anônima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

CARREGANDO MAIS POSTAGENS...