Páginas




 


22/06/2022

APUCARANA- PC diz que garoto que morreu ao ser agredido pode ter tido mal súbito

Prefeito Junior da Femac, de Apucarana, lamentou o ocorrido e a morte causou comoção na cidade 
Sobre a morte do menor em Apucarana, amigos e familiares contestaram a informação dada pela Polícia Civil, que os agressores não tiveram a intenção de matar. Segundo o delegado adjunto da 17ª Subdivisão Policial (SDP), Felipe Ribeiro Rodrigues, a principal linha investigativa considera a morte do estudante provocada por um mal súbito decorrente da briga e do stress do momento. "Ao ouvir três dos envolvidos, ficou evidenciado que, na saída da escola houve uma confusão entre eles, que eram  todos amigos, conhecidos e moradores do mesmo bairro. Também que não foi um atrito  entre todos, mas apenas uma briga entre dois e os demais ficaram incentivando. Em determinado momento, um dos que estavam de fora, tomou as dores do adolescentes em desvantagem e entrou na confusão, foi quando o menino caiu e entrou em óbito", afirmou a Polícia Civil. Também ficou apurado que não foi utilizado nenhum tipo de arma ou objeto. Até o momento  afirmação, a Polícia Civil aguardava o laudo do IML para confirmar tal fato.   SOBRE O CRIME - Como noticiamos, a cidade  de Apucarana ficou chocada com uma morte  ocorrida na noite de terça-feira, dia 21 de junho de 2022. Uma criança, de 13 anos, de nome Alekson Ricardo Kongeski que, a princípio era especial,  morreu após ser agredida na Rua Emiliano Perneta, esquina com a Rua Paranaguá, próximo ao Colégio Padre José Canale. A primeira notícia é de os agressores seriam pelo menos seis menores, entre eles, de 12 e 15 anos. "Houve a agressão e populares presenciaram o fato e tentaram intervir, mas os agressores estavam certos de seu intuito e deixaram a vítima desacordada. Com a chegada dos Bombeiros, do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU), e de profissionais do Posto de Saúde, eles tentaram, por quase uma hora, reanimar o menino, mas ele não resistiu", informou a Polícia Militar. Ainda durante à noite, três acusados, um de 12 e dois de 15 anos, foram detidos e levados para a Delegacia, com acompanhamento do Conselho Tutelar. Os demais, de 14 e 15 anos, eram procurados. Já a direção do Colégio, suspendeu as aulas neste dia 22 de junho de 2022, em respeito aos familiares e amigos. Outra informação, é que a família decidiu pela doação dos órgãos. LAMENTA - O prefeito Junior da Femac emitiu nota de pesar lamentando profundamente a morte do adolescente Alekson Ricardo Kogenski, de 13 anos. “As circunstâncias da morte do estudante chocaram Apucarana. Estou muito triste com este episódio lamentável. O Alekson foi vítima de agressões, cometidas por um grupo de adolescentes da mesma faixa etária. É um fato difícil de compreender e que gera dor e revolta”, manifesta Junior da Femac. O prefeito afirma que situações como essa tem o repúdio de toda a sociedade e aguarda pelas investigações da polícia, visando identificar os autores das agressões que culminaram na morte do adolescente. “Neste momento, eu me solidarizo com os familiares. Perder um filho tão precocemente e da forma como aconteceu é uma dor muito grande e eu rezo para que Deus os conforte neste momento tão difícil”, afirma Junior da Femac.  Consta ainda na nata da prefeitura,  que, de acordo com informações preliminares, o adolescente estudava no Colégio Padre José Canale, localizado no Jardim Ponta Grossa. A briga teria ocorrido na saída do colégio, ao término das aulas do turno vespertino. O adolescente chegou a ser socorrido e encaminhado ao Hospital da Providência, mas acabou não resistindo. A direção do Colégio, em virtude da morte do estudante, suspendeu as aulas nesta quarta-feira. (Fotos de Rede Social e TN Online)

2 comentários:

  1. não vai da nada para os infrator porque o nossa constituição brasileira é um lixo, amanhã eles tão na rua cometendo outros delitos, se fosse na indonésia e outros países que tem lei eles tavam no paredão de fuzilamento, mas como é no país chamado brasil não vai da nada

    ResponderExcluir
  2. BRASIL É UM VERDADEIRO LIXO MESMO AMIGAO,AINDA MAIS COM AKELES BANDIDOS CORRUPITOS QUE OCUPAM AS CADEIRAS NO STF,SO SABEM DEFENDER BANDIDOS E ACOITAR LEIS..

    ResponderExcluir

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

CARREGANDO MAIS POSTAGENS...