Páginas





 


12/09/2022

Apucarana e Jandaia do Sul com casos de estupro e importunação sexual

APUCARANA -
No dia 10 de setembro de 2022, na Rua Vereador Jorge Maia, na Vila Paraíso, às 23 horas, uma mãe disse que sua filha, de 16 anos, estava desaparecida desde o dia anterior, sendo que na data, foi localizada em uma residência abandonada, na Rua Ponta Grossa, no Anel Central, a qual estava nua, com lesões nas partes íntimas e foi abusada. Ela relatou o local aproximado, onde foi abordada por um rapaz, com um VW Gol de cor vermelha. Pelas imagens do sistema d segurança de uma loja, foram encontradas filmagens e o rapaz identificado. Os soldados foram até o Sumatra I, onde ele poderia estra numa casa, mas não foi encontrado. Foi feito contato com a dona de uma casa, onde teria ocorrido uma festa durante à noite, mas a proprietária informou desconhecer o autor e que havia um Gol vermelho, mas era de seus parentes, que são de Ortigueira. O caso é investigado. JANDAIA - No dia 10 de setembro de 2022, na Rua Armando da Silva, ainda de manhã, a vítima disse que estava transitando a pé nas proximidades do condomínio residencial Irajá, quando um veículo EcoSport de cor branca modelo antigo, parou ao seu lado e o condutor encontrava-se apenas com as vestimentas da parte de cima, sendo uma camiseta de cor branca. Ele abriu a porta do passageiro e pediu para ela entrar no veículo, porém  começou a gritar e, após isso, o condutor evadiu-se tomando rumo ignorado. Segundo a solicitante, não foi possível visualizar a placa da Eco Sport.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

CARREGANDO MAIS POSTAGENS...