Páginas




 


05/09/2022

IVAIPORÃ - Dois casos de embriaguez ao volante e infrações de trânsito

Nos casos de embriaguez ao volante, o condutor de uma motocicleta chegou a bater contra um carro, que estava estacionado 
    EMBRIAGUEZ - No dia 04 de setembro de 2022, domingo, foram registrados dois casos de embriaguez ao volante. O primeiro às 19h00min, na Rua Jacarezinho. Um cidadão disse que um masculino, aparentemente, embriagado pilotava uma motocicleta até colidir na traseira de seu automóvel, que estava estacionado, um Gm/Corsa, causando um leve amassado e quebrando a lanterna traseira direita. Depois tentou fugir, sendo impedido pelo solicitante. Com a chegada da Pm, o condutor se negou a fazer o teste do bafômetro, sendo o veículo uma Honda de cor preta, que foi apreendida. OUTRO CASO - Ainda em Ivaiporã, no dia 04 de setembro, às 22h30min, na Avenida Brasil, um Vectra foi fazer o retorno, na esquina com a Rua Ponta Grossa, em alta velocidade, derrapando os pneus traseiros, e entrou abruptamente no pátio de um Auto Posto, para fugir da iminente abordagem policial. Abordado, ele disse que faria o teste, mas após a montagem do equipamento, afirmou que seu advogado havia orientado a não fazer. Consta no boletim, que, após receber voz de prisão, o condutor disse que estava no Auto Posto do Carmo bebendo com seus amigos e sua namorada, quando foi até o banheiro e, ao abrir a porta, levou uma garrafada na cabeça, o que causou uma lesão, desmaiou e caiu no chão, não sabendo dizer quem seria o agressor. Em seguida, atravessou a rua e pegou seu veículo, momento em que foi fazer o retorno, deparou com a viatura da Pm e foi abordado. INFRAÇÕES DE TRÂNSITO - Na cidade de Ivaiporã, também foram foram registrados dois casos de infrações de trânsito. O primeiro nas Rua Palatina, na manhã de 04 de setembro, quando no Jardim Alvorada, foi denunciado que o motorista de um VW Gol, estava transitando pelo bairro e gritando. Ao abordar o motorista, ele não tinha CNH e a documentação estava atrasada. Também, em 04 de setembro, na Avenida Tancredo Neves, era 23 horas, quando um VW Gol, foi abordado, porque um casal brigava em seu interior. Para os soldados, a mulher disse que estava tudo resolvido e não queria representar, mas verificou-se que o carro, de cor preta, estava com a tarjeta de outro município, sendo o automóvel recolhido ao pátio da Polícia Militar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

CARREGANDO MAIS POSTAGENS...