Páginas




 


23/09/2022

TRÁFICO - Equipe ROTAM estoura duas "Bocas de Fumo" em Borrazópolis

Mais detalhes sobre o caso de tráfico em Borrazópolis, onde sete pessoas foram detidas, algumas acusadas de comercializar entorpecente
      Nossa reportagem apurou mais detalhes da ocorrência, em Borrazópolis, na noite deste dia 22 para 23 de setembro de 2022, onde Polícia Militar, equipe ROTAM de Ivaiporã, estourou duas supostas "bocas de fumo", na região da Rua Rio de Janeiro, no Bairro Vila Santa. Ao todo, sete pessoas foram detidas. Numa primeira residência, duas mulheres foram presas, uma delas, a conhecida "Diva", juntamente com outra moça. Já no segundo ponto de tráfico, que fica próximo do primeiro ou fundos, os soldados apreenderam um menor, um homem e uma garota. Também foram detidos usuários encontrados nos endereços. Para fazer a condução de todos até a delegacia de Faxinal, foi pedido apoio para a viatura da Polícia Militar do Destacamento de Borrazópolis. Em seu boletim oficial, a ROTAM informou que ao passar pelo endereço, após várias denúncias, deparou-se com um rapaz suspeito, que tinha 1,1 grama de cocaína consigo e estava no primeiro ponto de venda. Outro jovem, saiu de um trio, que dá acesso ao segundo local de comercialização ilegal. Ele dispensou uma pedra de crack de 100 miligramas. Ambos confirmaram que haviam acabado de comprar. Na primeira casa, Diva e outra moça, de nome Hieda, estavam deitadas sobre um mesmo colchão, como se estivessem descansando e Diva portava um rolo de papel alumínio e um invólucro, que ela colocou na boca, sendo 2,4 gramas de crack, que renderia, aproximadamente, 24 pedras vendidas a R$10,00 reais cada. Em seu bolso havia várias cédulas amassadas de diferentes valores, totalizando R$232,00 reais. No segundo endereço, foram abordado o conhecido "Niltinho"; um menor e uma moça, que a princípio também é menor. No imóvel havia 33,8 gramas de maconha, 400 miligramas de crack e R$470,00 reais em diferentes cédulas de dinheiro. "Alguns deles já tem passagens por tráfico de drogas e há denúncias que eles traficam associados a outras pessoas da cidade", informou a Pm. Diva, Hieda e "Miltinho", negaram que sejam traficantes e disseram que, muito em breve, estarão em liberdade, pois provarão que são inocentes. O nome dos suspeitos não foram divulgados para a imprensa, mas foram apurados pela reportagem.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

CARREGANDO MAIS POSTAGENS...