quinta-feira, 27 de dezembro de 2018

BORRAZÓPOLIS - Confusão na Vila Lourdes termina com casa apedrejada

                No Bairro Vila Lourdes, em Borrazópolis, por volta das 16 horas, um confusão terminou em um boletim de ocorrências e acusação de injuria racial, ameaça e danos, na Rua Otto Haider. Segundo informações, uma mulher, conhecida como "Preta Clementino", ou "Preta do Bar", afirmou que teve a casa apedrejada, mas também foi levada para a Delegacia acusada de agredir verbalmente outras mulheres. Nossa reportagem foi procurada pela Rosa Clementino, irmã de "Preta", a qual afirmou que sua irmã está sendo vítima de um complô de pessoas que a querem prejudica-la. Veja a íntegra, do Boletim registrado pela PM: "Uma mulher informou que estava andando pela via quando uma segunda mulher, que seria a "Preta" começou a ofendê-la com palavras de baixo calão. Também a ofendeu com palavras racistas a chamando de preta e macaca. Também teria ofendido outros moradores da localidade e xingou uma senhora de “Baleia e Gorda”, dizendo que iria atear fogo na casa dela. Há uma outra vítima que a mulher teria dito que colocaria fogo em sua casa com os filhos dentro", informou o boletim. Diante dos fatos, foi dada voz de prisão à autora que foi encaminhada para a 53º DRP de Faxinal", informou a Pm. Como já dissemos no início da reportagem, "Preta", nega estes fatos e diz que ela é que é a vítima.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA