sábado, 11 de janeiro de 2020

IVAIPORÃ - Dois casos de crimes ambientais registrados

Em ambos os casos os moradores foram autuados por   apanhar espécies da fauna silvestre e os manter em cativeiro
         A Polícia Militar Ambiental, de Apucarana, registrou, neste sábado, dia 11 de janeiro, de 2020, dois casos de crime ambiental em Ivaiporã, em ambos a acusação é apanhar espécies da fauna silvestre e os manter em cativeiro. Os Policiais que registraram as ocorrências foram: Sargento Arruda e Soldado Brito. No primeiro caso, houve denúncias, as quais levaram a equipe até o endereço, sendo que o nome do local não foi divulgado. Ao chegar a casa, notou-se que na parte externa estavam penduradas cinco gaiolas com pássaros nativos, em contato com o proprietário, relatou não ter a devida autorização do órgão competente. Foram elaborados os feitos administrativos e criminais. Quanto as aves, após avaliação do veterinário, foram soltas em seu habitat natural, sendo 4  do tipo Coleirinho; um Canário Terra e cinco gaiolas apreendidas. O auto de infração foi de 2.500 reais. OUTRO CASO - Ainda, em Ivaiporã, em atendimento a segunda denúncia, os policiais foram a uma outra casa, onde havia três gaiolas com pássaros nativos. O proprietário relatou ter autorização de três aves anilhadas, sendo uma das anilhas, pertencente  a um pássaro que veio a óbito e ele não deu baixa no sistema. Afirmou também não ter a devida autorização de outras quatro aves. Quanto as três aves anilhadas e a anilha que sobrava, foram deixadas com o cidadão como depositário fiel e as outras quatro, soltas em seu habitat natural, sendo duas aves pintassilgo; dois  Trinca  Ferro  e gaiolas apreendidas.  Neste caso, o auto de infração foi de 8.500 reais. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA