06/09/2020

ORTIGUEIRA - Nota de Esclarecimento sobre a morte do "Vino"

 Uma moradora de Ortigueira, que pediu para não ser identificada, enviou uma mensagem ao Blog do Berimbau, solicitando que fosse feita uma correção na matéria da morte do cidadão, Severino Alves Ramos, conhecido como "Vino", vítima de atropelamento. Nossa matéria relatou, com base em informações que recebemos, que o cidadão era alcoólatra, vivia nas ruas, mas brincava com todos e virou uma figura carinhosa e muito querida na cidade. Seu falecimento foi na quinta-feira, dia 03 de setembro, de 2020. Ele foi colhido por uma carreta na BR-376, em frente o Auto Posto, no contorno de entrada para o perímetro urbano. A funerária Tamoyo, ficou responsável pelo velório, na Capela Mortuária Municipal, e sepultamento ocorreu no dia 04 de setembro, de 2020. CORREÇÃO - A família contestou a informação que "Vino", vivia nas ruas, informando que ele tinha família, uma mãe, com 91 anos,  que também é mãe de com muitos filhos, que sempre cuidou dele oferecendo roupa limpa e comida, portanto, ele morava com ela. Também informou que a vida toda ele andou pela beira da Rodovia, porque nasceu  às  margens da BR, mas que o maior problema foi a obra de duplicação da BR 376. "Ficamos isolados na entrada da cidade, sendo um viaduto muito mal feito, com o acesso a cidade sem sinalização e sem iluminação nenhuma. A tragédia poderia ter sido evitada se a Rodonorte ou a Prefeitura tivessem feito a parte delas. Foi uma grande fatalidade para a família e para todos que o conheciam", diz  uma amiga.  "Vino", era tio do "Silmar da Oficina", do "Fábio Kovaleski", do Restaurante e do Osvaldinho.   O Blog do Berimbau, lamenta o ocorrido e se coloca a disposição para outros esclarecimentos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA