11/11/2020

ELEIÇÕES - As eleições municipais ganharam mais uma ajuda da tecnologia.

   São os últimos ajustes nas urnas eletrônicas. Nomes dos candidatos e eleitores já foram inseridos, e o relógio tem que funcionar com precisão. Para facilitar a vida do eleitor e evitar aglomeração, vários serviços vão poder ser feitos de forma virtual, mesmo para quem não fez a biometria. É preciso baixar o aplicativo "e-Título". O eleitor insere os dados pessoais e cria o perfil. Uma das novas funções é justificar a ausência. No dia da votação, o eleitor pode fazer isso de onde ele estiver, é só usar o aplicativo. Ele terá que habilitar a função geolocalização do celular e justificar. Aquele que não tem condições de baixar o e-Título pode continuar justificando da mesma forma, nos locais de votação. É importante que ele já preencha o formulário, que está disponível na internet, e já leve preenchido com documento oficial com foto. Com o aplicativo, o eleitor vai poder também ver o endereço do local de votação e ter acesso a certidões de quitação eleitoral. Quem fez o cadastro biométrico vai ter a foto estampada no e-Título. Aí é só apresentar na seção eleitoral e votar. Não precisa de outro documento. Se o mesário tiver alguma dúvida, ele pode pedir para você dar um passo para trás e retirar a máscara rapidamente, para fazer a comparação com a foto. Mais de 4 milhões de eleitores já baixaram o e-Título. Em tempos de pandemia, é menos papel passando de mão em mão e mais rapidez no processo de votação. (Fonte - Jornal Nacional)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA