06/01/2021

Civil de Apucarana prende acusados de estupro e tráfico em Sarandi e Arapongas

      Investigadores da 17ª Subdivisão Policial de Apucarana, no tarde deste dia 06 de janeiro, de 2021, cumpriram dois mandados de prisão em desfavor de investigados pela prática dos crimes de tráfico de drogas e estupro de vulnerável. Quanto ao crime de estupro, as investigações apontam que o indiciado praticava atos de abuso sexual contra a sua enteada. Ficou esclarecido ainda que a vítima era abusada desde os seis anos de idade. Após a colheita de elementos de informações, que apontavam para a prática da conduta criminosa, a Autoridade Policial representou pela expedição de mandado de prisão preventiva, sendo expedido o respectivo mandado pelo Poder Judiciário da comarca de Apucarana, e cumprido nesta data, na cidade de Sarandi, pelo investigadores da 17ª Subdivisão Policial, sendo o preso encaminhado para o minipresídio de Apucarana. Quanto ao crime de tráfico de drogas, trata-se de continuidade das investigações envolvendo a apreensão de 2.500 pontos da droga LSD, no início de dezembro do ano de 2020. Um indivíduo foi preso, naquela época, em flagrante delito por investigadores da 17ª SDP de Apucarana, sendo apreendidos 1000 pontos de LSD. Uma semana depois, o setor de inteligência e de narcóticos, apreenderam mais 1.500 pontos da referida droga e realizaram diligências no sentido de identificar e qualificar a pessoa que seria o responsável pelo entorpecente. Devidamente qualificado, ficou claro para os investigadores que o meliante seria o responsável por realizar a distribuição de LSD na região. A Autoridade Policial representou e foi expedido mandado de prisão. O preso foi localizado na cidade de Arapongas e conduzido para o Minipresídio de Apucarana.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA