13/01/2021

IVAIPORÃ - Bombeiros do 1º Subgrupamento é alvo de atentado em Ivaiporã

                         EXCLUSIVO                           
A pessoa foi até a casa do Bombeiro Militar e jogou  produto químico de coloração escura e odor forte. O caso é investigado
    Em Ivaiporã, a casa de um Bombeiro Militar, lotado no 1º Subgrupamento do Corpo de Bombeiros, com sede na referida cidade de Ivaiporã, foi alvo de um atentado, na madrugada deste dia 13 de janeiro, de 2021. Segundo informações apuradas, junto a Polícia Civil, pelo Blog do Berimbau e a Rádio Nova Era, com exclusividade, o Policial reside na Rua Rio Grande do Norte, próximo pista da Autoescola, mais precisamente na região do depósito da Coca-cola. Como prova do ocorrido, há um vídeo de uma Câmera de Segurança, que revela o momento em que um pessoa,  há dúvidas se mulher ou homem,  de jaqueta e touca, sobe a referida Rua, carregando  um saco, aparentemente, de plástico no ombro. Ao chegar em frente a residência,  coloca a sacola no chão, retira algo do interior, agita e joga em direção a garagem. A mistura química, com odor forte, ainda não identificada, atingiu o carro, o piso e parte da parede da garagem do Bombeiro. O meliante (a) não toca a grade e retorna pelo mesmo sentido em que surgiu, deixando claro que foi ao local com o único intuito de cometer o atentando. Outro detalhe, que também chama atenção, é que a pessoa subiu a rua mancando, como se tivesse um problema na perna, mas ao abrir a sacola e subir a rampa da garagem, para atirar o produto, ele anda normalmente. Depois vai embora, novamente, fingindo mancar. Como era madrugada, o Policial estava em casa e acordado, prestando atendimento ao filho, que estava com febre e passa por um tratamento de depressão. Ele chegou a ouvir o barulho, mas não foi observar. Instantes depois, notou um cheiro forte e decidiu verificar. Sem saber o que era, o Militar,  fez a lavagem da garagem e chegou ter vômitos por conta do odor que o líquido exalava. Inclusive, a situação agravou o estado de saúde do filho, que teria entrando em pânico com a tensão vivida pela família. O caso está sendo registrado na Polícia Civil. Quem tiver informações, deve ligar, mesmo que anonimamente, para 43 99962-0345, ou enviar uma mensagem de Whatsapp. Também pode fazer contato direito com a Delegacia.  Como o nome do Bombeiro não foi revelado, não conseguiu ouvi-lo  sobre os fatos. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA