19/01/2021

IVAIPORÃ - Mais detalhes da prisão do suspeito de matar Jairo Caobianco

  Na Rua Maximiniano Prado, em Ivaiporã, após denúncia, no dia 18 de janeiro, a Polícia Militar, prendeu um homem, de nome Levi Marcondes, acusado de assassinato. Ao chegar ao local, conforme denúncia, o suspeito foi encontrado dentro de um barraco de madeira. A Polícia Militar ressaltou que o detido não estava ainda com ordem de prisão, mas é investigado pelo delegado Aldair. Por conta da situação suspeita, ele foi conduzido até a delegacia, onde ficaria a disposição do delegado. Apuramos que, no dia 19 de janeiro, já havia sido decretada a prisão, portanto o homem ficou recolhido. Levi negou que tenha envolvimento com o crime. A princípio, o detido e a vítima tinham passagens pela polícia. O repórter Berimbau apurou o nome com base no relato  de uma testemunha que presenciou a prisão. SOBRE O CRIME - No dia 16 de janeiro, de 2021, na Água do Coquinho, que fica na divisa de Ivaiporã com Jardim Alegre, ocorreu o crime. Segundo informações, após uma confusão, o Jairo de Campos Caobianco, de 40 anos, foi morto com duas facadas, uma no tórax e outra no pescoço. Consta no boletim da Polícia Militar, que a vítima estava em cima do sofá e já em óbito. Jairo já era conhecido no meio policial acusado de alguns delitos. A Polícia Civil, equipe do Dr. Aldair da Silva Oliveira, esteve no local, assim como o IML - Instituto Médico Legal, que removeu o corpo. Um inquérito policial aberto e o crime é investigado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA