22/07/2021

AGRICULTURA - Projeto "Mulheres do Café do Vale do Ivaí" em quatro municípios

Grandes Rios, Lidianópolis, Jardim Alegre e Ivaiporã, são municípios onde o projeto tem sido desenvolvido 
O projeto, já destacado em outra oportunidade nesta página, é desenvolvido em 4 municípios da região: Grandes Rios, Lidianópolis, Jardim Alegre e Ivaiporã (especificamente no distrito de Jacutinga), visa INOVAR produção de cafés na região, tendo como principal inovação a inserção e valorização do trabalho da mulher no processo produtivo, fator esse que por décadas era desconsiderado. Um objetivo direto do projeto, é produzir cafés de alta qualidade, conhecidos como cafés especiais, onde o processo de adubação, conservação de solo, manejo de pragas, até chegar na colheita seletiva e manual do grão extremamente maduro e secagem do café, são orientados de forma intensa pelos técnicos do IDR – Paraná, tornando a metodologia dirigida e assistida em seu processo como um todo. Aspectos sociais também são trabalhados com as integrantes do grupo, como gestão financeira da propriedade, sucessão familiar, empoderamento feminino e outras vertentes singulares de cada produtora. "Com o desenvolver do projeto, fomos angariando conhecimentos, pois mais que assisti-las nós aprendemos com a rotina de vida dessas mulheres cafeicultoras, com o engajamento, com a coragem de enfrentar desafios, até mesmo com a sabedoria de reconhecer as intemperes climáticas e seguir no processo produtivo dessa bebida tão consumida, mundialmente" frisa a assistente social do projeto Natália Duarte Vettor. Com apenas sete meses de atividades, e ainda com as limitações relativas a pandemia, já foi possível avaliar, aproximadamente, 30 micro e nano lotes, que vieram das mãos dessas mulheres para o processo de degustação, sendo que em sua grande maioria são considerados cafés Gourmet e Cafés Especiais na SCAA (Associação Americana de Cafés Especiais), destacando cafés de 84 pontos (média) na mesma escala, ainda em “bica corrida” (ou seja sem realizar a separação por peneiras e dos defeitos dos grãos do café), segundo explicou o engenheiro agrônomo Cleversom Silva (que também é degustador oficial de cafés). Esses resultados expressam o potencial da região na produção desses cafés especiais, e também o poder de produção e aplicação de metodologia dessas mulheres que por vezes passavam despercebidas por muitas políticas públicas. Muito em breve, a região encontrará esses cafés selecionados já agroindustrializados e com uma edição especial de CAFÉS DAS MULHERES DO VALE DO IVAÍ, bem como estará sendo comercializados bolachas com sabor de café para compor essa degustação que terá como principal ingrediente, o amor!!. "Gostaríamos de aproveitar a oportunidade de divulgar os trabalhos, mas também de expor os nomes das nossas estrelas que nesse momento estão a campo produzindo e trabalhando incansavelmente para produzir algo tão especial. Município de Grandes Rios: Luzia Francine, Rosa Maria, Janaína Assad, Marli Suzete, Adriana Terracine e Bruna Rafaela Município de Lidianópolis: Elizabethe Alves, Maria Dirce Correa, Maria Aparecida Costalonga, Maria Conceição Milenski, Vera Lúcia Fiorini Fávaro. Município de Ivaiporã: Neide Marinelli, Patrícia Marinelli, Lisiane Ravar, Lourdes Santos Souza, Silvana Santos Marcomini, Maria Helena, Deli Vieira e Irene Vieira. Município de Jardim Alegre: Omarete, Marta, Marli Alves e Fátima e Município de Borrazópolis: Elza Dutra ( produção de bolachas de café)






Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA