segunda-feira, 14 de maio de 2018

APUCARANA - Criança morre engasgada com leite no "Dia das Mães"

foto Ilustrativa 
           O "Dia das Mães", foi trágico na cidade de Apucarana, para a família do pequeno Felipe G. S., de apenas seis meses. Lamentavelmente a criança morreu, na madrugada de 13 de maio, de 2018, asfixiada com leite, uma fatalidade que entristeceu toda família e amigos. Segundo informações, o fato teria ocorrido em um dos bairros da cidade. Ele é o segundo caso no mês de maio, de 2018, só em Apucarana. O primeiro, foi um bebê de 04 meses. Segundo Bombeiros, a amamentação, requer cuidados  para que a criança receba o alimento sem perigos, e mesmo com cuidados, o fato pode ocorrer, o que isenta pais de qualquer culpa. A  asfixia, que pode incluir problemas com a ingestão do leite, é uma das causas. Há situações em que a criança mama e acaba adormecendo, mas é preciso alguns procedimentos para evitar o engasgo ou refluxo durante ou após a mamada. Embora não seja comum, o problema pode levar à morte, caso a criança não seja socorrida. Entre as medidas, está a de acomodar o bebê de forma correta. A criança nunca deve mamar em posição totalmente horizontal, mas levemente inclinada, com as pernas mais baixas que o restante do corpo. Bebês que mamam no peito costumam ingerir o leite muito rápido, o que pode causar engasgo, Por isso, a mãe deve parar a amamentação, segurar a criança em pé, deixá-la se acalmar e depois continuar. Crianças que sofrem de refluxo devem receber ainda mais atenção, porque podem apresentar o problema enquanto mamam e engasgar com o leite. Uma das recomendações médicas é acompanhar o bebê durante todo o ato da amamentação.

Nenhum comentário:

Postar um comentário