31/01/2014

Trágico- ARAPONGAS e BORRAZÓPOLIS:

MAIS DETALHES
Mulher que saiu de Borrazópolis com destino a Arapongas, foi atropelada por dois veículos e teve morte instantânea na Rodovia BR 369
Com autorização para velar apenas algumas horas, devido ao estado de dilaceração que ficou o corpo. foi sepultado  em Borrazópolis o corpo da ex-moradora que  residia em Arapongas, e  morreu lá na região de Arapongas, mas precisamente num ponto da BR-369 próximo ao marco do Trópico de Capricórnio, entre as cidades de Arapongas e Apucarana.  Segundo informações, a vítima é Maria José da Silva Rosa, e ela foi atropelado por dois veículos, um carro de passeio que a  atingiu  de raspão projetando  a mesma para rodovia, sendo que no momento trafegava no mesmo trecho um caminhão que passou por cima do corpo. A vítima teve morte instantânea. Ela é irmã da conhecida  Cândida,  de Borrazópolis, e segundo a família, ele veio a Borrazópolis passear e na tarde de sexta-feira, 31 de janeiro de 2014, pegou um ônibus para Apucarana, em seguida, entrou numa circular para Arapongas, e quando desceu do coletivo, num loteamento novo existente próximo ao marco do Trópico de Capricórnio, foi colhida pelos dois veículos. "São duas pistas, ela atravessou uma e quando já estava vencendo a segunda, foi colhida pelo caminhão", disse a irmã Cândida da Silva. O Corpo foi levado para o IML de Londrina, para em seguida ser liberado para o velório. A funerária Nossa Senhora de Lourdes, de Borrazópolis fez o translado, e segundo agente funerário Luiz, a recomendação era para que fosse sepultamento rapidamente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA