sábado, 22 de dezembro de 2018

APUCARANA - Polícia Militar continua fechando o cerco contra o tráfico

Em vinte quatro horas foram detidas seis pessoas. Ao todo, em 2018, mais de 250 prisões foram computados 
                Em Apucarana, o 10º Batalhão está terminando o ano de 2018, com um balanço mais que positivo no combate ao tráfico de drogas. Somente nas últimas 24 horas, entre 21 e 22 de dezembro, seis pessoas foram detidas. Em uma matéria especial do site do Jornal Tribuna do Norte, foi informado que, ao todo, em 2018, foram registradas 243 ocorrências relacionadas ao tráfico e ao consumo de drogas e, pelo menos, 251 pessoas detidas. Nos casos divulgados neste dia 22 de dezembro, o primeiro deles foi na Rua Natividade, na Vila Regina, onde a Pm abordou um rapaz de nome Maicon, já conhecido no meio policial. No chão havia 0,41 gramas de crack, e nas proximidades de onde se encontrava, foram apreendidas 47,4 gramas, de maconha. Na hora do flagrante, passou um motociclista, sem capacete, o qual foi acompanhado detido. Este segundo rapaz é apontado com autor de roubo, tráfico e outros crimes, mas não existia nada em seu desfavor. Ele foi conduzido porque mentiu o nome, caracterizando falsidade ideológica. Todos negaram envolvimento com o tráfico. TRÁFICO II – Já na Rua Alfredo, no bairro Djalma Mendes, cinco jovens foram detidos. Houve denúncia que na região do quadrante das Ruas Carlos Massey, Av Santa Helena e Rua Santo Agostinho, próxima ao colégio Três Reis, estava havendo a prática de tráfico. No local foram abordados suspeitos, entre eles: Thales; Stefanny; Devilson  e um outro rapaz cujo nome não foi divulgado. Em uma casa, de onde eles estavam saindo, a Pm encontrou 37 pedras de crack. A princípio ficou apurado que Thales e Stefanny teriam ido ao local para comprar e que Devilson vendia. Todos negaram tanto a compra como a venda de drogas. TRÁFICO III: Também em Apucarana, na Praça Rui Barbosa, foi detido um jovem de nome Lucas. Na revista pessoal foram encontradas 12 pedras de crack pesando 2,13 gramas. O rapaz disse não ser traficante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA