sexta-feira, 22 de fevereiro de 2019

APUCARANA - Beto Preto renuncia e transmite cargo a Junior da Femac


Em ato solene realizado no início da noite desta sexta-feira (22/02), com o plenário da Câmara Municipal de Apucarana tomado por grande público e autoridades, o prefeito licenciado Carlos Alberto Gebrim Preto, “Beto Preto” (PSD), formalizou sua decisão de abrir mão do cargo, para assumir a Secretaria de Estado da Saúde, atendendo a convite formulado pelo Governador do Paraná, Carlos Roberto Massa Junior, “Ratinho Junior”.  Após o comunicado oficial ao Legislativo, Beto Preto fez a transmissão do cargo ao seu vice-prefeito, Sebastião Ferreira Martins Junior, “Junior da Femac” (PDT) que, a partir de agora, cumpre o mandato de prefeito de Apucarana até 31 de dezembro de 2020.  A solenidade comandada pelo presidente da Câmara, vereador Luciano Molina (REDE), teve a presença dos deputados estaduais Arilson Chiorato (PT) e Delegado Jacovós (PR), prefeito de Rosário do Ivaí Ilton Kuroda, prefeito de Itambé Vitor Fedrigo, vereadores, secretários municipais, autoridades do Judiciário, Ministério Público, eclesiásticas e público em geral. Estavam representados o 30º BImec, 10º BPM, Corpo de Bombeiros, Emater, UTFPR, Unespar/Fecea, FAP, Facnopar, ACIA, Sivale, OAB, Ciretran, Sanepar e 17ª SDP, além de representantes de clube de serviço, lideranças de bairros .  Na abertura do ato, foi feita a leitura de um breve resumo das ações administrativas desenvolvidas nos seis anos e cinqüenta e três dias de mandato do prefeito Beto Preto. As principais obras, programas e serviços foram apresentadas no balanço administrativo do período de 2013 a 2018.  A ex-primeira dama do Município, Adriana Gonçalves e a nova primeira-dama, Carmen Lúcia Izquierdo Martins foram homenageadas com ramalhetes de flores. E o novo prefeito Junior da Femac, entregou uma placa de homenagem ao ex-prefeito Beto Preto pelo conjunto de suas ações administrativas à frente do Município.  “Agradeço Beto Preto pela prioridade dada à educação e a saúde”, diz Molina.  Após dar posse oficial ao novo prefeito Junior da Femac, o presidente da Câmara, Luciano Molina fez um discurso de gratidão ao ex-prefeito Beto Preto. “Agradeço em nome dos apucaranenses por você priorizar a educação. Tenho 35 anos de atuação como professor e sei da importância do que você construiu para as crianças e juventude de Apucarana. Beto Preto nos surpreendeu positivamente, pois pegou uma situação de extrema dificuldade e conseguiu um significativo saldo de obras”, destacou Molina.  Para ele, Apucarana não perde com a saída de Beto Preto. “Apucarana vai ganhar, por que terá Beto Preto junto do governador Ratinho Junior e poderá atender o Município e sua gente”. Quanto ao prefeito Junior da Femac, Molina disse que uma pessoa bastante preparada para dar continuidade à boa gestão de Beto Preto. “Teremos ajuda do Beto Preto, de dois deputados e do Governador” .  Leia mais no link abaixo.
Já empossado no cargo de prefeito, Junior da Femac, saudou autoridades e fez uma menção especial aos sues familiares. Depois agradeceu a Deus e Nossa Senhora Aparecida pelas bênçãos em sua vida. Ele também prestou homenagem ao secretariado e aos vereadores, além da sua equipe de trabalho no Grupo Femac. Para Junior, Beto Preto será o melhor secretário de Saúde da história do Paraná. “Digo isso por que conheço a sua competência e conhecimento de causa”, frisou o prefeito. Com relação à sua gestão, Junior anunciou que continuará do bairro para o centro, “porque todos são importantes para o poder público”.  Segundo Junior, a educação continuará sendo prioridade, bem como a qualificação profissional, a saúde, o esporte, o comércio, a industrialização. “O trabalho dos últimos seis anos terá continuidade, os ideais são os mesmos e tudo o que está planejado será executado. Contamos com o apoio do governador Ratinho Junior, dos nossos deputados Jacovós e Arilson, além do secretário de saúde Beto Preto”, frisou Junior, acrescentando que “hoje Apucarana é referência no Estado em várias áreas, tem um novo rumo e jamais voltará atrás”.  “Estarei em Curitiba mais aqui também, por que meu coração é apucaranense” .  Beto Preto, visivelmente emocionado com as homenagens, disse que ao adentrar na Secretaria de estado da Saúde pediu para que Deus abençoasse seus passos. “Foi o mesmo que fiz quando cheguei em 2013 na Prefeitura de Apucarana. Tivemos uma gestão abençoada até aqui e faço questão de agradecer a todos os secretários, superintendentes, diretores e demais servidores, além dos vereadores desta e da legislatura anterior”, comentou.  O secretário de Saúde do Paraná citou números de sua gestão. “Pagamos R$ 90 milhões de dívidas em seis anos, e essa foi a mais cara obra realizada neste período; pagamos 80 folhas de salários rigorosamente em dia. Implementamos 900 obras e ações administrativas, na construção de creches, escolas, postos de saúde, 250 km de asfalto e recape, criamos programas que servem de modelo, como o Terra Forte, Economia Solidária e a biblioteca itinerante. Na saúde os investimentos foram abrangentes, com o CEO e os implantes dentários, novo laboratório, Centro Municipal de Especialidades Médicas, Centro de Dermatologia, cinco novas UBS, reforma de outras 34 unidades, consultas médicas aumentadas em 200%”.   Ainda na saúde ele enalteceu a conquista de R$ 5 milhões para o Centro de Oncologia do Providência e assegurou que a nova maternidade terá os recursos – cerca de R$ 12 milhões – necessários para ser consolidada Resgatamos a estrutura física e valorizamos o esporte, trazendo todas as competições mais importantes do Paraná para Apucarana”, lembrou Beto Preto.  O secretário disse que assumiu a prefeitura endividada. “Apesar disso, mantivemos em dia os salários, os encargos sociais e todos os demais direitos dos servidores. “Agora estou deixando a gestão com um saldo bancário de R$ 56 milhões em recursos livres e recursos conveniados”, informou Beto Preto, sob aplausos do público.  Ele concluiu dizendo que, “mesmo diante de tantas dificuldades fizemos história em Apucarana. E os 91,45% dos votos nominais obtidos na eleição de 2016 são a prova de que a cidade avançou e houve uma pacificação política. Acredito que para o futuro teremos uma Apucarana ainda mais forte no cenário paranaense”, destacou Beto Preto. “Estarei em Curitiba, mas também em Apucarana, por que meu coração está aqui”.







Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA