quinta-feira, 6 de junho de 2019

APUCARANA - Pedro Agostinete Preto, pai do ex-prefeito Beto Preto

             A cidade de Apucarana, ficou enlutada com a notícia que faleceu, nesta quinta-feira, dia 06 de junho, de 2019, o senhor Pedro Agostinete Preto, de 79 anos, que era o pai do ex-prefeito e atual secretário de saúde do Paraná, senhor Beto Preto. Trata-se de um dos mais nobre pioneiros do município. Ele estava internado no Hospital da Providência, cuja causa morte foi insuficiência cardíaca. Após a triste informação, a família decidiu pelo velório no plenário da Câmara dos Vereadores de Apucarana, e sepultamento, às 17h30, no Cemitério Cristo Rei. Segundo o Site Tribuna News, em 2013, Sr. Pedro Pedro que foi uma das primeiras vítimas da ditadura a prestar depoimento durante a segunda audiência pública da Comissão da Verdade do Paraná, no Cine Teatro Fênix, em Apucarana. O apucaranense Pedro Preto lembrou bem dos momentos difíceis que ele e outros companheiros passaram durante o regime da ditadura militar. Em 1975, ele foi preso em casa à noite, com 36 anos de idade, na frente da esposa Maria Tereza e dos filhos Beto Preto, com 7 anos e meio de idade, e Luciana, com 5 anos. A prisão foi feita por agentes da DOPS, de Curitiba, sob o comando do capitão Ismar Moura Romariz. Também foram presos outros companheiros, como José Caetano de Souza e Ceslau Raul Canievski, acusados de tentar organizar o Partido Comunista na cidade, acusados de discutir a criação do PCB dentro de um fusca, o que não era verdade. Para saber mais detalhes desta história, clique aqui.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA