27/06/2020

BRONCAS - Jandaia, Novo Itacolomi e São Pedro com ocorrências

Em Jandaia, briga de casal terminou em facadas. Novo Itacolomi vendedores ambulantes foram notificados por conta da pandemia.  Já em São Pedro do Ivaí, jogaram pedra em veículo 
JANDAIA - Em Jandaia do Sul, no dia 27 de junho, às 00h45min, na Rua Paião, na Vila Paião, um homem apresentava lesões na face e boca, relatando que foi agredido, com uma faca, por sua amásia, porém ela já havia evadido-se. A filha, de 14 anos, afirmou que seu padrasto e sua mãe começaram uma briga e ela ficou com medo e se trancou no quarto. O vidro da porta da sala foi quebrado. Mais tarde, às 02h14min, policiais foram até o PAM - Pronto Atendimento Médico, onde estava a mulher. Ela disse que foi agredida também e queria representar criminalmente contra o companheiro. O caso foi levado para a delegacia de Polícia.
ITACOLOMI - Em Novo Itacolomi, no dia 26 de junho, na Rua Andorinhas, a Polícia Militar deu apoio aos fiscais municipais no atendimento de uma denúncia contra uma pessoa que estava realizando a venda de mercadorias na modalidade "porta a porta", o que está proibido em virtude da pandemia de Coronavírus. Foi abordado um senhor, realizando a venda de frutas e verduras, sendo que ele já havia sido orientado pelo próprio prefeito, porém não seguiu as orientações e, portanto, foram tomadas, pelos fiscais, as devidas medidas administrativas pertinentes ao fato. O homem é oriundo de Ivaiporã, cidade que estava com cerca de 100 casos da doença. Outro vendedor, de Jardim Alegre, também foi autuado por venda de panelas na cidade. 
SÃO PEDRO - Em São Pedro do Ivaí, na Rua Waldomiro Moro, a vítima estava deitada e escutou barulho de vidro quebrando do lado fora de sua residência, ao sair, para conferir, notou que jogaram uma pedra no vidro traseiro de seu Ford Fiesta provocando o dano. Até o registro do boletim, não havia informações sobre o autor.

2 comentários:

  1. Vcs deveriam de ouvir os dois lados da história primeiro para depois fazer a matéria.
    Um dos vendedores era o meu marido e ele não foi orientado a sair da cidade em momento algum, simplesmente ele foi abordado pela polícia e teve as mercadorias apreendidas.

    ResponderExcluir
  2. É fácil só colocar o lado dos poderosos né, uma pessoa que estava apenas buscando o sustento da sua família ser tratado como bandido é inaceitável.

    ResponderExcluir

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA