25/05/2021

LOCKDOWN - Campo Mourão, Barbosa Ferraz, Roncador e outros vão fechar

  Na região da Comunidade dos Municípios da Região de Campo Mourão (Comcam), que é uma associação de prefeitos, o presidente, Leandro César de Oliveira, havia convocado uma reunião de urgência do dia 25 de maio, com prefeitos, para discutir ações de enfrentamento ao coronavírus (Covid-19). O encontro, online, reuniu 19 dos 25 prefeitos da região. O tema da reunião focou principalmente a possibilidade de lockdown nos municípios. Depois da reunião, o prefeito de Campo Mourão, Tauillo Tezelli, anunciou que o município já havia definido pelo fechamento total. Segundo o G1, o decreto publicado na segunda-feira (24) estabelece datas e medidas para o funcionamento de cada função, com validade até 6 de junho. Os supermercados, açougues e padarias deverão ficar fechados entre 27 e 30 de maio. Entre 31 de maio e 6 de junho, poderão abrir para a venda de alimentos, bebidas sem álcool e materiais de higiene. Já o comércio de rua e lojas de materiais de construção não poderão funcionar com atendimento presencial entre 27 de maio e 6 de junho. O delivery das lojas foi autorizado apenas a partir do dia 31 de maio. Os restaurantes, bares e lanchonetes devem ficar fechados até o dia 6 de junho, com delivery permitido a partir de 31 de maio. A exceção é para estabelecimentos que fornecem alimentos para profissionais de saúde, que podem atender com portas fechadas. Outros prefeitos seguiram o exemplo de Campo Mourão. É o caso de Roncador, onde um novo decreto foi editado; Iretama e Barbosa Ferraz, também tomaram a mesma decisão. No caso de Barbosa, durante o lockdown, apenas farmácias, indústrias de alimentos e postos de combustíveis poderão funcionar. No período, está proibida a venda e consumo em locais públicos de bebidas alcoólicas.  LOCKDOWN - O tema divide opiniões, para alguns, fechar o comércio é o mesmo que decretar um feriado prolongado,  fazendo com que os funcionários fiquem livres para realizar festas clandestinas e outros eventos. "Quem está trabalhando, está na mira dos olhos dos demais e precisam adotar cuidados. Quem não está trabalhando, não tem tanto tempo para demais atividades festivas. Mas se pegar folga, é festas na certa. Veja vocês que é justamente quando o comércio fecha, nos feriados, que os casos aumenta", diz um leitor.  AMUVI -  Prefeitos da Associação de Prefeitos do Vale do Ivaí, marcaram reunião para o dia 26 de maio, de 2021.  Temas ligados a covid, devem ser debatidos.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA