terça-feira, 3 de julho de 2018

LUNARDELLI - "Ex-prefeito Padre Hilário e servidores acusados de fraude"

O ex-chefe do poder executivo e dois funcionários públicos prestaram depoimento ao Delegado Dr. José A. Jacovós. Eles são acusados de fraude em licitação da merenda escolar  
ENTREVISTA - Ouça no link de vídeo, entrevista com o Delegado Dr. José Aparecido Jacovós 
         O delegado Dr. José Aparecido Jacovós, de Apucarana,  foi designado como o responsável para investigar uma denúncia contra o ex-prefeito Padre Hilário Vanjura, da cidade de Lunardelli, que foi feita pelo observatório social. O processo tramitava no Tribunal de Justiça, na Capital do Estado, porque Vanjura gozava do foro privilegiado, por estar, naquele momento, ocupando o cargo de prefeito de Lunardelli, entre 2012 e 2016. Com o fim do privilégio, o processo desceu para a Comarca de São João do Ivaí. Segundo o delegado, neste dia 03 de julho, foram colhidos depoimentos do ex-prefeito e de funcionários públicos, que são acusado de participar de uma fraude. "O que nós estamos apurando é que o ex-prefeito comprava a merenda de uma empresa que era ligada a dois funcionários públicos, o que é um crime; o detalhe que chama atenção, é que após a denúncia, os responsáveis por esta empresa, criaram um outro CNPJ, colocaram  em nomes  de supostos laranjas, para continuar vendendo para a prefeitura, inclusive com o mesmo endereço. Ficou então constatada uma fraude em licitação e agora estamos apurando, para  indiciar estas pessoas, por um crime que tem pena prevista de 2 a 4 anos de reclusão, além de multas geradas pro causa da improbidade administrativa que cometeram, e a qual tem previsão de outras sanções", disse o Delegado. Também apuramos que a primeira empresa criada, foi a C. Alves Cruz e Cia LTDA; e que  após a denúncia, a outra empresa que surgiu foi a "Lunardelli Mercearia LTDA".  Todos os acusados negaram crimes e asseguram que vão provar inocência.   O QUE DIZ O EX-PREFEITO:  Veja a nota publicada na íntegra:  "Sobre a matéria vinculado pelo Blog do Berimbau, venho a público manifestar meu repudio quanto a distorção dos fatos, afim de denegrir a minha imagem. Em entrevista o Del. Jocovós diz que eu estive junto a delegacia prestando depoimento, quando na verdade fui intimado a comparecer às 14:30 desta data, ou seja, se quer havia sido ouvido (pelo delegado/escrivão) quando a matéria já havia sido vinculada. Fui até a delegacia de São João do Ivaí onde tive acesso ao inquérito e em nenhum momento sita a questão referente a desvio de merenda, sendo que o inquérito visa apurar uma possível fraude em licitação. Deixo claro que eu e minha equipe sempre nos atemos aos termos da lei, que em nenhum momento beneficiamos qualquer empresa e muito menos a utilizamos para fins ilícitos. Quanto a julgar, deixo ao juiz que é competente e designado a esta função. Quanto a mim, provarei que não estive envolvido em nenhum dos fatos narrados e luto para que a verdade venha a tona", diz nota assinada pelo senhor Hilário Vanjura. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.