terça-feira, 7 de agosto de 2018

ESTELIONATO - Empresa de Mauá da Serra aplicava golpe pela internet

               Uma matéria divulgada também pelo Jornal Gazeta do Povo, revela que uma empresa, de nome Fort Grãos Associados, suposta vendedora de milho e soja, de Mauá da Serra, ou que pelo menos consta que seu CNPJ é daquele município, está sendo denunciada por aplicar golpes pela internet. Uma das vítimas é do Maranhão, e fez o boletim de ocorrências na Polícia Civil, daquele Estado, cujo caso foi encaminhado ao 1º Distrito Policial de Londrina que transferiu a ocorrência para a Delegacia de Marilândia do Sul. De outros Estados, também há vítimas. Segundo informações, a referida empresa anunciava os produtos por um preço abaixo do valor de mercado; na internet, no caso da saca de milho, a diferença era, em média, 08 reais por saca, já como frete incluso. A vítima do Maranhão, informou que depositou quase quatorze mil reais, em junho, de 2018; e não recebeu o produto. Há também o caso de um produtor rural da Paraíba, que fez um depósito de R$ 30.400,00 (trinta mil e quatrocentos reais). Já se sabe que o autor do golpe usou documentos falsos para abrir a conta e o dinheiro, assim que depositado, era transferido para uma conta de bitcoins, espécie de moeda virtual. O caso é investigado. O Artigo 70 do Código de Processo Penal diz que “a competência será, de regra, determinada pelo lugar em que se consumar a infração, ou, no caso de tentativa, pelo lugar em que for praticado o último ato de execução”. Ou seja, teoricamente ficaria a cargo da Delegacia de Marilândia investigar o estelionato. A reportagem tentou entrar em contato com o delegado responsável pela comarca, Felipe Ribeiro Rodrigues, mas não conseguiu localizá-lo. A reportagem da Gazeta do Povo, que publicou a matéria, tentou entrar em contato com a Fort Grãos Associados, mas, como as próprias vítimas relataram, não obteve retorno. Os telefonemas caem em caixa postal e os e-mails não são respondidos. O endereço da empresa, que ficaria às margens da Rodovia PR-340, em uma área rural do município, tampouco possui numeração específica, dificultando a localização precisa.

Nenhum comentário:

Postar um comentário