quarta-feira, 26 de setembro de 2018

ROSÁRIO - PREFEITO AMEAÇADO

Prefeito Ilton Kuroda procurou a polícia dizendo que uma funcionária disse que ele deveria  ser vítima de um atentado, assim como ocorreu como Bolsonaro 
O boletim de ocorrências foi registrado no Destacamento local. Segundo o prefeito Ilton Shiguemi Kuroda, a ameaça partiu de uma funcionária do CRAS - Centro de Referência de Assistência Social. Leia o boletim da Polícia Militar, na íntegra,  que detalha o que exatamente aconteceu: "Esta equipe foi procurada pelo solicitante, prefeito de Rosário, onde o mesmo relata que, na data de 19/09/2018, determinou a um funcionário que fosse ate o CRAS - Centro de Referência de Assistência Social, para que levasse a resposta de um requerimento, momento que uma  servidora que recebeu o documento, e após ler, começou a proferir ofensas e ameaças contra o atual prefeito. Teria dito que trata-se de um prefeito sem noção e que, com ele,  deveria acontecer o mesmo atentado que aconteceu com o candidato a presidente da república Jair Bolsonaro, que foi esfaqueado durante ato público. Que após a entrega, o funcionário que levou o papel,  se ausentou e não repassou as ofensas ao prefeito, porem em data posterior, o senhor prefeito, ao ser informado,  decidiu pelo registrou do boletim", diz o boletim. Como o nome da funcionária não foi divulgado, não conseguimos a  identificar para buscar sua resposta.