quarta-feira, 24 de junho de 2020

EXCLUSIVO- Presos irmãos acusados de homicídio cruel em Borrazópolis

O Dr. Ricardo Mendes, delegado de Faxinal, havia pedido a prisão preventiva dos irmãos e, após investigação, os localizou em Paranavaí
        Mais uma vez, destaque para o bom trabalho do Delegado Dr. Ricardo Mendes, da cidade de Faxinal, que, em entrevista a Rádio Nova Era e Blog do Berimbau, havia prometido justiça a família do jovem Vivaldi John Lennon, de 28 anos, que foi morto com com tiros e facadas em Borrazópolis. Três irmãos, filhos de um cidadão que morreu após acidente envolvendo a vítima do homicídio, teriam cometido o crime para se vingar. Clique Aqui para rever matéria do crime. Clique Aqui para rever o sepultamento comovente do jovem. Os acusados, que estão com mandado de prisão são:  Zuleide Macedo Ormond; Vagner Macedo Ormond (Gean) e Alessandro dos Santos Macedo Ormond (Du).  O delegado chegou a estes nomes, após ouvir os próprios irmãos, não participantes, e também após colher o depoimento de uma testemunha chave.  No esconderijo, em Paranavaí, além dos três citados, também estavam mais dois irmãos, que não participaram do crime. Por isso, nas fotos, não há certeza se são exatamente os três apontados como autores. A detenção ocorreu com apoio de uma equipe da PC de Paranavaí. Um familiar dos detidos, disse que eles vão apresentar suas versões nas próximas horas e elas vão constar nesta reportagem.  SOBRE O CRIME -  Era dia 19 de junho, de 2020, sexta-feira, por volta das 17:50 horas,  quando o brutal assassinato foi registrado no final da tarde. O jovem Vivaldi John Lennon Mariano de Souza, de 28 anos, foi morto na Avenida Paraná, esquina com Rua Pará, em frente o Auto Peças do João Porto. Testemunhas relataram, a Polícia Militar que o rapaz consertava o seu veículo (Fusca branco) na calçada e em frente a Oficina do Murilo, quando passou um carro, a princípio um corsa. Dele teria descido uma moça atirando, cerca de quatro disparos, contra a vítima. Ainda, segundo populares, um rapaz desceu do mesmo automóvel e aplicou golpes de faca. Lennon  tentou correr e chegou até a esquina, da Avenida Paraná, em frente o  referido Auto Peças. Segundo o IML, de Apucarana, no corpo havia três perfurações de tiros e três de faca. Agentes da Polícia Civil, receberam informações que os autores seriam amigos ou parentes de um homem que foi atropelado e faleceu na Rodovia PR-466, na saída para Kaloré. "Uma testemunha relatou que surgiu um  veículo Gm/Corsa Classic, de cor branca, parou ao lado da vítima com três ocupantes, que se tratava de uma mulher, que efetuou quatro disparos de arma de fogo. O jovem tentou correr, mas logo  caiu, momento que  outro ocupante do veículo,   um homem, desceu  e efetuou vários golpes de faca. Depois ele voltou ao Corsa  e juntos evadiram-se pela Avenida Paraná, sentido  Kaloré. Eram três pessoas", informou o boletim da Polícia Militar. O Delegado Dr. Ricardo Mendes, afirmou que as denúncias apontam para três irmãos, sendo dois homens e uma mulher, filhos de Moisés, como autores. (As fotos da prisão foram feitas por colega de imprensa do repórter Ronaldo Senes, o Berimbau)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA