sexta-feira, 26 de junho de 2020

FURTO - Em Cândido de Abreu, ladrões arrombaram Colégio


           Em uma ação rápida, a Polícia Militar prendeu suspeitos de terem arrombado um Igreja, inclusive, violaram até o Sacrário, local sagrado pelos católicos. Ele também haviam arrombado o Colégio Dr. Cândido 

           A Polícia Militar, de Cândido de Abreu, no comando do sargento Moser, novamente deu uma rápida resposta a sociedade e prendeu suspeitos de dois furtos que repercutiram na cidade e ocorreram no final de semana. O primeiro delito foi contra uma Igreja, mas precisamente, a Capela Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. Segundo o responsável, ao chegar ao local, se constatou que os autores entraram pela janela, causaram danos diversos, romperam o sacrário e uma caixa de luz e, além de revirar todos os armários, esvaziaram três extintores dentro do templo, furtaram um violão, um contrabaixo e o dinheiro que estava na caixa de ofertas/dízimo. Como o chão ficou coberto por pó químico dos extintores, foi possível visualizar três tipos de pegada de calçados, que induziu a participação de três indivíduos. OUTRO FURTO -O segundo furto foi no Colégio Dr. Cândido. A instituição foi arrombada, sendo que as informações foram divulgadas, nesta segunda-feira, dia 29 de junho, de 2020. Em nota, a direção informou: "Ao chegar para o trabalho, nos deparamos com cadeados destruídos, portas arrombadas e ambientes totalmente vasculhados. Ao fazermos uma vistoria percebemos que foram furtados pendrives, microfones, caixas de som, câmera fotográfica, filmadora, roteador e outros objetos de uso do colégio que ainda não localizamos. Se alguém lhe oferecer algum dos produtos acima, favor entrar em contato com o colégio ou diretamente com a polícia, pois o colégio tomou as medidas de registro de ocorrência", informou a nota.  PRISÕES DE SUSPEITOS - No final da tarde, de 29 de junho, menos do 24 horas da publicação da notícia, pessoas começaram a enviar notas para o Blog do Berimbau, parabenizando o bom trabalho das equipes da Polícia Militar e relatando que os supostos autores estavam presos. Também informaram que seriam os conhecidos "Andre Luiz" e Ronaldo. Apuramos que, em buscas continuas, os soldados de plantão, identificaram os meliantes e realizaram a abordagem de dos indivíduos, sendo estes possíveis autores do furto do referido colégio. Inclusive, foram abordados, quando, ousadamente, passavam em frente o Destacamento Policial. Em revista pessoal, nada de ilícito foi encontrado, mas ao serem indagados, um deles negou os fatos e qualquer participação, diferentemente do segundo, o qual,  consta no relatório da PM, disse ter participado do furto do colégio e da Igreja, juntamente com o primeiro abordado que havia acabado de negar. Em seguida, eles cooperaram e disseram onde os objetos estavam armazenados. Imediatamente os Policiais foram ao local indicado e, com os produtos recuperados, os acusados foram entregues na delegacia de Cândido de Abreu, para serem indiciados. Os nomes foram divulgados por populares, mas ainda não foram confirmados pela Polícia.  Até a publicação destas reportagem, a defesa dos supostos autores não havia se manifestado.  , informou a nota.  (Colaboração de Roberto Carlos - Faiska) 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA