19/07/2020

FAXINAL - Radiologista é acusado de fotografar mulher nua

No link de vídeo, ouça entrevista com o Policial Federal, que fez o flagrante de embriaguez ao volante do Radiologista em Apucarana, após o episódio ocorrido em Faxinal 
  Nossa reportagem publicou uma nota, neste dia 19 de julho, de 2020, sobre uma mulher, de 63 anos, que disse que foi filmada praticamente nua e, por isso, um boletim de exposição de intimidade sexual, foi registado pela Polícia Militar. O boletim divulgado pela PM,  6ª Companhia Independente com sede em Ivaiporã, estava com poucos detalhes. Mas o advogado da moradora, uma senhora, de 63 anos, procurou nossa reportagem. Segundo ele, trata-se de uma paciente que foi no Hospital Municipal, ou Pronto Socorro, para realização de um Raio-X, momento em que chamaram o radiologista, das inicias N. T. J., para realizar o procedimento. Consta na denúncia que ele chegou embriagado. Ao perceber que a mulher estava sem a roupa, na parte de cima e também sem o sutiã, passou a filma-la e fotografa-la. A enfermeira de plantão teria percebido tal fato e tentou impedir, como também tomar o seu celular, mas ele fugiu. Após a situação absurda, o servidor teria fugido do local. Como a senhora estava passando mal, ela  foi encaminhada ao hospital da providência em Apucarana, onde seguia internada até o domingo, dia 19 de julho. Um familiar do radiologista, fez contato por telefone, negando as acusações e dizendo que ele teve desentediamento  com uma outra funcionária  do Hospital e, ao filma-la,  virou bruscamente para o lado da paciente, sem a intenção de fazer imagens dela, inclusive, que nem chegou a fazer as tais imagens da reclamante. O familiar não quis se identificar. A Polícia Militar esteve no local e fez este relato: "A equipe foi acionada para se deslocar até o hospital municipal da cidade de Faxinal, onde segundo a solicitante, uma senhora 63 anos, o funcionário chegou embriagado para realizar seu trabalho e, em um determinado momento, foi flagrado filmando ou tirando fotos da solicitante, sem roupa, e quando foi questionado sobre o fato, evadiu-se do local tomando rumo ignorado. Esta equipe fez diversas buscas, inclusive no endereço do homem, porém sem êxito", informou o boletim.  Ainda no domingo, dia 19 de julho, confirmamos que o o acusado foi preso em Apucarana, por embriaguez ao volante. Ele foi flagrado pela Polícia Rodoviária Federal, na BR-369, no km 202,  em frente ao Mufatto, às 18:35 horas. O teste do bafômetro aferiu 1,01 mgl.  Cobrado pela nossa reportagem,  o município informou que os devidos procedimentos para apurar o caso serão instaurados, assim como as medidas cabíveis.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA