sexta-feira, 14 de setembro de 2018

KALORÉ - Prefeito Washington entrega setenta e sete moradias

                           HABITAÇÃO                        
O sonho da casa própria  foi possível, em Kaloré,  graças ao esforço da gestão do atual, que buscou parcerias com os governos Estadual e Federal
Unidade com adaptação para deficientes 

             O dia 13 de setembro, de 2018, quinta-feira, foi marcado por muita emoção em Kaloré. 77 famílias, que sonhavam com a casa própria, receberam as chaves das mãos do prefeito Washington Luiz, da Presidente da Câmara, Rita Mercúrio, demais vereadores, vice-prefeito e outras autoridades, entre elas, o gerente da Caixa Econômica Federal de Jandaia do Sul. "Quem vê a casa pronta hoje, talvez não consiga imaginar quantas viagens fizemos a Curitiba, quantas dificuldades encontramos, inclusive houve um momento em que cobramos duramente da COHAPAR porque o projeto estava quase parando, enfim, o importante e que tudo isso foi superado e este é o momento de colher os frutos do que semeamos e também de agradecer a todos", disse o prefeito em entrevista  a Rádio Nova Era Am e ao Blog do Berimbau. Ele também lembrou que cada real investido, tem as mãos de pessoas que querem o bem de Kaloré, como, por exemplo, os deputados que fazem o trabalho de intercessores do município em Curitiba e Brasília. Salientou  ainda  os  mais de dez milhões assegurados, em menos de dois anos,  em asfalto, creche, saúde, educação e outros setores. Os imóveis entregues, tem o valor estimado em 120 mil reais, mas graças ao subsídio do programa e da prefeitura, que doou o terreno, avaliado atualmente em 500 mil,  e outras benfeitorias, cada família vai pagar entorno de 70 mil reais, em prestações que, na maioria das vezes, são menores do que o aluguel, uma média de 400 reais, dependendo da renda. Para um construtor, que estava participando da inauguração, somente o terreno, vale atualmente 50 mil reais cada um. Ao falar dos momentos felizes, o prefeito se emocionou ao lembrar das dificuldades enfrentadas na vida pública e particular, como foi o caso da morte do seu sobrinho, o jovem André Benedito, que faleceu  recentemente vítima de acidente de trabalho com uma roçadeira manual. "Deus sabe o que faz na vida da gente e vamos sempre confiar nele", finalizou o prefeito, agradecendo a confiança de todos. SOBRE O PROGRAMA - Na entrega estavam:  representantes da Companhia de Habitação do Paraná (Cohapar), da Caixa Econômica Federal, de Jandaia do Sul,  e da Construtora Exact, que foi repensável pela edificação da obra. Em 2017, o projeto já estava orçado em orçado em R$ 5,6 milhões e foi viabilizado graças ao esforço conjunto entre os Governos: Municipal, do Paraná e Federal. Os recursos foram financiados pela Caixa, por intermédio do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). As casas tem de 38m² a 50m², com unidades adaptadas de 49m² para pessoas com deficiência. As famílias selecionadas contaram com subsídios do programa Minha Casa Minha Vida e podem usar o saldo do FGTS para abater os custos de financiamento. O valor das prestações, que não tem acréscimo com o passar dos anos, também foi reduzido devido a parceiras com a Copel e Sanepar, que ofertaram materiais para a instalação da rede de energia elétrica e abastecimento de água e esgoto sem custo aos futuros aos moradores.  No link abaixo, ou clicando aqui, é possível conferir mais fotos (Texto e fotos- Ronaldo Alves Senes, o "Berimbau)       - Mais fotos no link abaixo