sábado, 15 de setembro de 2018

MANOEL RIBAS - ENCONTRADO MORTO

Corpo de jovem desaparecido foi encontrado na Ponte do Rio Jacutinga entre Manoel Ribas e Pitanga.  A principal hipótese  é de que "Marcos Pardal" foi assassinado
No link de vídeo a esquerda, veja entrevista concedida pela mãe antes do corpo ser encontrado 
Foi encontrado,  na Ponte do Rio Jacutinga, próximo a Rodovia 487, no km 283, região da Vila Nova, o corpo de Marcos Guerharte, mais conhecido como "Marcos Pardal", que estava desaparecido. Segundo familiares, a vítima foi jogada de cima de uma ponte, mas a Polícia não descarta nenhuma hipótese, ou seja: homicídio ou suicídio. A retirada do corpo foi feita pelo Defesa Civil (Bombeiros de Manoel Ribas), equipe composta pelo Sargento Márcio Rodrigues e agentes Boaski e Cordeiro, juntamente com equipes da Polícia Militar, Criminalística e um investigador da Polícia Civil. A retirada do cadáver deu muito trabalho, por ser um local de difícil acesso. Segundo informações, não havia sinais de violência, por isso, a indefinição sobre o que realmente aconteceu. Sabe que ele recebeu a ligação de uma mulher com quem, provavelmente tinha um relacionamento amoroso, antes de sair de casa. A principal suspeita é de homicídio.  SOBRE O CASO - Maria Carolina Guerharte, a "Carol", de Manoel Ribas, irmão do jovem, utilizou sua rede social para pedir ajuda na localização do seu irmão, o Marcos Guerharte, mais conhecido como "Marcos Pardal", que estava desaparecido. A primeira informação divulgada pela família, era de que o jovem desapareceu com o seu veículo, um Gol, mas no dia 13 de setembro, de 2018, a irmã publicou a seguinte mensagem em seu Facebook: "Encontramos o carro do meu irmão abandonado, mas não temos notícias dele ainda, se alguém souber de algo, por favor entre em contato conosco pelo fone (43) 99641-9116", informou Maria Carolina. Ela também disse ao repórter Ronaldo Alves Senes, o "Berimbau", que o Gol foi localizado em uma localidade conhecida como Réplica da Capela Santo Antônio, no Bairro dos Galos, bem próximo do perímetro urbano. Um detalhe preocupante, é que o veículo estava com a chave no contato e dentro do carro estava a camiseta e uma blusa que o desaparecida utilizava quando saiu de casa. No link de vídeo, há uma entrevista com a senhora Shirley, mãe de Marcos. "Ele estava em casa na noite de 12 para 13 de setembro, quando, por volta da meia noite, recebeu uma ligação. Em seguida saiu e não o encontramos mais. O telefone foi desligado e ele também não visualizou mais o seu Whatsapp", disse a mãe ao Berimbau.