sábado, 31 de maio de 2014

REUNIÃO DA AMUVI

Durante encontro da AMUVI em Kaloré, prefeitos decidiram optar por uma empresa privada para gerenciar do lixo
Os prefeitos da AMUVI- Associação dos Municípios do Vale do Ivaí, se reuniram a sexta-feira, 31 de maio de 2014, na cidade de Kaloré. Alguns assuntos importantes foram debatidos, mas o principal era a questão da Gestão dos Resíduos Sólidos, algo que os prefeitos precisam definir até o início de agosto, ou ficam sujeitos a ações do Ministério Público que deverá fiscalizar a implantação obrigatória com base em uma lei federal. Como cada cidade criar um sistema próprio é inviável, a solução é realizar um consórcio envolvendo vários municípios. Na reunião de Kaloré, os administradores tinham duas opções: aceitar a proposta da Diretoria Senepar, que apresentou um projeto que prevê a criação de dois consórcios (Apucarana e Ivaiporã), mas com um custo de 120 reais a tonelada; ou aderir ao sistema de uma empresa particular, a “Transresíduos”, que já administra outros consórcios na região de Curitiba com custo de 90 reais a tonelada. “Nós já tínhamos apresentado nosso projeto em Ivaiporã, envolvendo o Vale do Ivaí e Região Central, o que muda hoje, é que a pedido do Prefeito Carlos Gil, estamos com outro projeto envolvendo 25 cidades, mas todas do Vale do Ivaí”, disse a Rádio Nova Era o engenheiro ambiental Luiz Antonio Bertussi, representante da Transresíduos. Ao final os prefeitos optaram pela empresa privada e cada um terá que formalizar um pré-contrato. Os investimentos iniciais são de 10 milhões.
RODOVIAS EM PÉSSIMAS CONDIÇÕES: Engenheiros do DER de Apucarana e Londrina, também participaram da reunião, e foram cobrados quanto a situação de alguns trechos que cortam o Vale do Ivaí. A Prefeita Regina Magri, de São Pedro do Ivaí, fez duras cobranças e disse que não tem como suportar mais as péssimas condições das vias que dão acesso ao seu município. O Prefeito José Maria, de Cruzmaltina, cobrou novamente o trevo de João Vieira, onde várias tragédias já ocorreram e apesar de vários ofícios até hoje nenhum redutor de velocidade foi instalado no local. Washington, prefeito de Kaloré, também cobrou o conserto da Rodovia que liga a Ponte do Rio Bom até o trevo de São José, e disse que outras regiões próximas já receberam melhorias, mas esta rodovia tem sido esquecida. Melhorias na rodovia entre Mauá da Serra e Ivaiporã (PRT -272 e PR-466) também foram cobradas. O DER admitiu dificuldades por causa da falta de recursos, mas disse que tem um cronograma e que em breve todos estes trechos receberam melhorias. MARCHA A BRASÍLIA – A Prefeita Regina Magri, vice-presidente da AMUVI, falou dos resultados da Marcha, e criticou aqueles que não se unem em prol desta causa, que é uma causa de todos. Segundo ela, é preciso cobrar dos deputados, e todos os representantes que um novo pacto federativo seja aprovado, prevendo mais recursos para as cidades, e que a cada dia são obrigadas a assumir mais responsabilidades. AUTORIDADES – O Suplente de Senador Sérgio Souza; o ex-governador Orlando Pessuti, e o Deputado Alexandre Curi, estavam presente, todos fizeram discursos de apoio aos prefeitos e debateram os mais diversos temas. Alex Canziani e Artagão Junior e Enio Verri mandaram representantes. 
click no link abaixo para mais fotos






Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA