quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

LUNARDELLI - Entrevista com o prefeito Reinaldo Grola, de Lunardelli

O chefe do poder executivo falou sobre reforma de escolas, conserto de estradas rurais, pavimentação asfáltica, melhorias no assentamento urbano e outros projetos 

ENTREVISTA - Ouça a entrevista completa no link de vídeo com o prefeito Reinaldo Grola
O Prefeito Reinaldo Grola, do PTB, de Lunardelli, foi o entrevistado da Rádio Nova Era, no dia 27 de de fevereiro, de 2018. Ele comentou, inicialmente, de uma viagem que fez a Brasília, em busca de recursos, principalmente para a saúde e setores como educação e agricultora, que foram eleitos como prioritários. Grola, reclamou dos cortes, inclusive de emendas impositivas que estavam destinadas a Lunardelli e o presidente da república barrou. Em Curitiba, ele foi assinar convênios da reforma da Escola do Campo, no Distrito de Primavera; convênio para aquisição de um caminhão da coleta seletiva, viabilizado pelo Deputado Alexandre Curi e assinatura do programa Escola Conectada, o qual Lunardelli também foi inserido. Ao comentar sobre outros assuntos, o prefeito falou sobre o Assentamento Urbano, onde famílias "sem teto" ocuparam o local. Após acordo com a justiça, foram sorteados 35 terrenos em mais um passo para legalização dos imóveis. Os sorteados receberam o termo de posse e não poderão vender, mas sim utilizar para finalidade de moradia, por quanto tempo quiserem. A prefeitura também implantou a coleta de lixo; visita dos agentes de saúde; água tratada e outras benfeitorias no novo residencial. Sobre estradas rurais, o destaque foi para a Estrada da Primavera, que está recebendo obras. "Foi reiniciada a obra de pavimentação, com pedras irregulares, da estrada que liga Lunardelli ao distrito de Primavera", disse o prefeito. O levantamento e cascalhamento de outras vias rurais, tudo na medida do possível, por causa da falta de recursos que as prefeituras atravessam. No perímetro urbano, os esforços são para levar a pavimentação ou calçamento para ruas, como a Rua Piauí, que é a única que dá acesso a Rodovia e ainda não tem asfalto. A Rio Grande do Sul, também vai receber 450 mil reais, a fundo perdido, para que o sonho do asfalto seja possível. Ouça a entrevista e saiba mais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário