quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

ASSALTO - CARROS-FORTES

Polícia disse ter encontrado esconderijo de quadrilha que atacou carros-fortes. Dois meliantes morreram no confronto 
           Segundo o Portal G1, a Polícia disse que encontrou, na noite de terça-feira (6 de fevereiro), a casa onde a quadrilha – suspeita de tentar assaltar cinco carros-fortes na BR-376 – se escondeu. A chácara fica em Bateias, um distrito de Campo Largo, na Região Metropolitana de Curitiba. Houve troca de tiros e, de acordo com a polícia, dois suspeitos morreram. Eles chegaram em um carro logo depois de equipes da Polícia Militar (PM) e da Rondas Ostensivas de Natureza Especial (Rone) encontrarem o lugar. Dois veículos roubados foram apreendidos na chácara. Um fuzil, uma pistola, coletes à prova de bala e explosivos – entre outros objetos usados em ações contra agências bancárias – também foram apreendidos. A tentativa de assalto aconteceu no trecho da rodovia em Palmeira, nos Campos Gerais do Paraná, na manhã de terça. Três pessoas morreram e ao menos quatro ficaram feridas, segundo a PM. Conforme a Polícia Rodoviária Federal (PRF), as vítimas são o caminhoneiro Vilson Pereira, de 41 anos, e o vereador de Barra do Jacaré, cidade localizada ao norte do estado, Elton de Alexandre de Aguiar Matta (PV). Um suspeito também morreu. A Prefeitura de Barra do Jacaré decretou luto oficial de sete dias pela morte de Matta. Hospitais de Ponta Grossa, também nos Campos Gerais, disseram ter recebido pessoas com ferimentos leves ou que passaram mal durante o ocorrido. Dois suspeitos foram presos, até o momento. A ação criminosa contou com a participação de aproximadamente 10 pessoas, de acordo com o Batalhão de Operações Especiais (Bope). (Clique aqui para rever a primeira reportagem)

Nenhum comentário:

Postar um comentário