terça-feira, 18 de setembro de 2018

FAXINAL - Polícia prende jovem acusado de tráfico e ameaça


              Uma ação conjunta das Policiais Militar e Civil, de Faxinal, culminou com a detenção de um rapaz de nome Igor Antonio de Farias, na Rua Princesa Izabel, acusado de tráfico de drogas. Tudo começou quando uma mulher e sua filha, uma menor de idade,  procuraram a Polícia, sendo que a mãe disse que a jovem, que é ex-convivente de Igor, disse que ele foi até sua casa para conversar, mas ela não quis mais saber do acusado, momento em que ele  passou a fazer ameaças, principalmente por mensagens de Whatsapp, dizendo que iria mata-la com um tiro. Ao denunciar o indivíduo, surgiu a informação que ele possui uma arma e que supostamente praticava tráfico de drogas. Diante da constatação, o Investigador Fernando Serpe Garcia e os soldados Ribeiro e Andrade, foram até o local. "Quando chegamos, Igor correu para o banheiro. Logo entramos na residência e visualizamos o suspeito tentando dispensar, no ralo, três porções de maconha, que posteriormente foram pesadas e totalizaram a quantia de 139 gramas. Também foi encontrado no referido banheiro, uma balança de precisão. O indivíduo não acatou as ordens de prisão e se negava a colocar a mão na cabeça, sendo necessário fazer o uso progressivo da força para o algemar. Seu familiares tentaram impedir a prisão, empurrando a equipe policial, sendo necessário retirar os mesmos da residencia para conduzi-lo até o camburão da viatura. Também encontramos a quantia de R$ 109,00, e um celular que foi apreendido", informou os boletins de ocorrência registrados  pela PM e pela Civil. Igor negou que seja traficante de drogas e disse que vai provar sua inocência.  
SUPERLOTAÇÃO -   Cadeia pública de  Faxinal superlotada aumentando o risco de fuga e causando insegurança e outros transtornos 
Até a datada de 17 de setembro, de 2018, a Cadeia Pública de Faxinal, estava com 63 presos,  como o local tem capacidade para apenas 32 detentos, a superlotação tem preocupado as autoridades locais. A exemplo do que já aconteceu no governo de Beto Richa, o atual governo também não tem anunciado medidas para resolver o problema e a atitude é considerada um descaso total com o sistema carcerário do Paraná. Vale ressaltar que em Faxinal, o Ministério Público,  ajuizou ação civil pública, com pedido de antecipação de tutela, em face do requerido Estado do Paraná, com requerimento de final procedência para condená-lo, em definitivo, à obrigação de fazer a  remoção de todos os presos condenados, com sentença transitada em julgado, que estejam cumprindo pena na cadeia de Faxinal/PR, para local apropriado, sob pena de pagamento de multa. O Estado recorreu, mas a determinação foi confirmada pelo   Tribunal de Justiça do Estado do Paraná – Desembargador Renato Braga Bettega (Clique Aqui para rever esta matéria), mesmo assim o problema ainda continua causando insegurança, transtornos e outras preocupações. Nossa reportagem continua acompanhando e denunciando a falta de providência por parte do poder público. 

ROLAGEM INFINITA