28/11/2009

LIDIANÓPOLIS ENTREGA CASAS POPULARES

Cohapar entrega conjunto residencial no Vale do Ivaí -


As chaves de 24 novas moradias do residencial Aldo Brasil Semeghini foram entregues nesta sexta-feira (27) pela Cohapar (Companhia de Habitação do Paraná) no município de Lidianópolis, em um investimento de R$ 597 mil. Nos seis municípios do Vale do Ivaí - do qual Lidianópolis faz parte, a Companhia concluiu neste ano 267 moradias e 367 unidades estão em construção. O prefeito Marcos Eusébio Dias Sobreira (Marcão) disse que só a parceria entre os poderes públicos permite aos municípios atender a demanda habitacional. “Sem isso, não teríamos condições de estar participando desta conquista. Nós fizemos a nossa parte, assim como a Cohapar e a Caixa, e este trabalho faz a felicidade destas famílias”. Para o gerente-regional da Cohapar, Petrônio Cardoso, que representou o presidente da Companhia, Rafael Greca, “com essas chaves cumprimos nossa missão com muita alegria”. O deputado Artagão Júnior lembrou do compromisso do governo com as pessoas que mais precisam da ação pública. “Programas sociais, de incentivo à agricultura familiar e redução e isenção de ICMS, construção de hospitais e clínicas da mulher beneficiam toda sociedade paranaense”. O gerente da Caixa, Emerson Abrão, também participou da cerimônia. ESPERANÇA – Para o casal Cláudio Francisco, 40 anos, e Marina da Silva Francisco, 36, a casa própria significa ânimo novo na vida. “Daqui para frente é só alegria. Chega de pagar aluguel, de viver em lugar que não é nosso, de não saber o que vai acontecer amanhã. Agora temos esperança, sossego, segurança e independência”, desabafou Cláudio, ao justificar que é isso que todo pai deseja oferecer à sua família. Depois de passar quase 40 anos trabalhando na zona rural, Ivone Castorina de Assis Maccan conseguiu sua casa aos 52 anos. Ela é casada com Pedro Maccan Neto, 49 anos, que continua como bóia-fria cortando cana.O casal tem dois filhos (17 e 14 anos) e paga aluguel há 22 anos. “A partir de agora começamos uma nova fase nas nossas vidas”, comemorou Ivnone. As casas possuem projetos arquitetônicos diferenciados e tamanhos que vão de 44 a 63 metros quadrados. O tamanho e o modelo da moradia escolhida pelo mutuário varia conforme a renda familiar, entre três e cinco salários. Nesta faixa salarial, a moradia tem financiamento parcelado em 20 anos com prestações de 20% da renda familiar. OBRAS - Neste ano a Cohapar já entregou, no Vale do Ivaí, mais de R$ 4 milhões em investimentos habitacionais nos seis municípios da região. Desse total, 193 casas foram destinadas a famílias de menor renda e 74 para quem recebe entre três e cinco salários. São mais de mil pessoas beneficiadas. Além das unidades de Lidianópolis, ainda estão em obras os conjuntos residenciais dos municípios de Cruzmaltina, (31-hipoteca), Grandes Rios (26 caução), Lidianópolis (24 de hipoteca e 48 de caução), Lunardelli (44 caução), Marumbi (73 caução) Mauá da Serra (39 hipoteca), São João do Ivaí (37 hipoteca e 45 caução). Ao todo, esses empreendimentos somam investimentos de mais de R$ 6,1 milhões.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA