terça-feira, 29 de dezembro de 2009

Mamborê-
Vereador é baleado no interior do Paraná

Osvaldo Oliveira (47) levou dois tiros na perna na madruga de domingo (27). O crime aconteceu na principal avenida de Mamborê, município com pouco mais de 15 mil habitantes, e localizado a 35 km de Campo Mourão. Vardinho do Ferro Velho (PR), como é conhecido na cidade, está em seu terceiro mandato como parlamentar e teria se desentendido com um policial militar da reserva. Segundo inquérito policial, os dois tiveram uma discussão banal e ocorrida às 5h. O ex-policial A.P. teria sacado uma arma e disparado diversas vezes contra o vereador. Oliveira foi atingido na virilha e na coxa. "A testemunha disse que eles pararam os carros na avenida Manoel Francisco da Silva, próximo da igreja matriz, e discutiram. O autor chegou sem falar nada e descarregou o revólver. Um tiro até transfixou a porta do carro do vereador", explicou o delegado Antonio Cesar Pereira dos Santos. A.P. fugiu do local. Houve perseguição, mas ele não foi preso no final de semana. Na manhã desta segunda (28), o ex-policial militar se entregou. Ele foi acompanhado pela advogada, que apresentou o revólver 38 usado no crime. A.P. não tinha registro da arma. "Ele contou que foi abordado, agredido verbalmente e ameaçado pelo vereador momentos antes da ocorrência. Segundo o ex-policial, ele reagiu depois do vereador fazer menção de pegar uma arma", contou o delegado. O ex-policial A.P. deve ser indiciado por tentativa de homicídio e porte ilegal de arma. Ele responderá em liberdade. O revólver calibre 38 e carro da vítima foram encaminhadas para perícia. O vereador Osvaldo Oliveira recebeu alta hospitalar nesta segunda e ainda não prestou depoimento.

Mas de 68 mil candidatos se inscreveram para o Concurso da PM
A Polícia Militar divulgou informações sobre o número de pessoas que se inscreveram no concurso para Soldado e Bombeiro Militares da Policia Militar do Paraná: Candidatos Inscritos: 68.309 total (PM/BM), sendo Candidatos a PM: 58.220, e Candidatos BM: 10.089. O próximo passo é a prova do concurso que vai escolher 1.500 para ocupar as vagas disponibilizadas pelo Governo do Estado
Criança morre por causa do temporal no Rio de Janeiro
Uma criança de 9 anos morreu afogada em consequência do temporal que atingiu o Rio de Janeiro. De acordo com os moradores do bairro da Piedade, na Zona Norte, o garoto caiu num bueiro. Vários trechos do Rio de Janeiro ficaram alagados e sem energia elétrica por causa da chuva.

O valor do seguro-desemprego será reajustado em 9,67%
O valor do seguro-desemprego será reajustado em 9,67% a partir de primeiro de janeiro. O aumento das parcelas do benefício será calculado com base no valor médio dos 3 últimos salários. A decisão do Conselho Deliberativo do Fundo de Amparo ao Trabalhador foi publicada na edição de ontem, segunda-feira, 28-12-09 no Diário Oficial da União. Com isso, o valor mínimo da parcela subirá para R$ 510,00 e o máximo, referente aos salários médios acima de R$ 1.403,28, chegará a até R$ 954,21. De acordo com o secretário estadual do Trabalho, Emprego e Promoção Social, Nelson Garcia, o aumento acompanha o novo valor do salário mínimo nacional, que também sobe no ano que vem. “O salário passará do atual R$ 465,00 para R$ 510,00. A alta vale em janeiro, com pagamento em fevereiro. O mínimo regional valerá menos que o piso regional paranaense, destinado a categorias sem acordo coletivo de trabalho, mas é um avanço e garante mais poder de compra aos brasileiros”, afirma. Garcia diz que vincular o valor do salário ao Seguro-Desemprego evita o endividamento das famílias e permite que o trabalhador mantenha as contas em dia, a comida na mesa e os filhos na escola, enquanto busca qualificação e recolocação no mercado formal de trabalho. Para calcular o valor do benefício serão aplicados três critérios. Quando a média dos três últimos salários anteriores à dispensa for até R$ 841,88, o valor da parcela será o resultado da multiplicação pelo fator 0,8 (80%). Quando os rendimentos forem de R$ 841,89 até R$ 1.403,28, o salário médio será multiplicado por 0,5 (50%). Para valores superiores a R$ 1.403,28, as parcelas serão, invariavelmente, de R$ 954,21.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

LEIA ANTES DE COMENTAR!
- Os comentários são moderados.
- Só comente se for relacionado ao conteúdo do artigo acima.
- Comentários anônimos serão excluidos.
- Não coloque links de outros artigos ou sites.
- Os comentários não são de responsabilidade do autor da página.

Para sugestões, use o formulário de contato.
Obrigado pela compreensão.

ROLAGEM INFINITA